Cadastro | Login | Meus pedidos | Carrinho
Selos
Catálogo
Minha Companhia
Cadastre-se no site.
Quero receber o boletim
O FIO DAS MISSANGAS - Contos
R$ 37,00Comprar
R$ 25,00E-Book
Indique Comente
É necessário estar logado para utilizar este recurso. Acompanhe
"A missanga, todos a veem. Ninguém nota o fio que, em colar vistoso, vai compondo as missangas. Também assim é a voz do poeta: um fio de silêncio costurando o tempo."

"A vida é um colar. Eu dou o fio, as mulheres dão as missangas. São sempre tantas as missangas." É assim que o donjuanesco personagem do conto "O fio e as missangas" define a sua existência. Fazendo jus a essa delicada metáfora, cada uma das 29 histórias aqui agrupadas alia sua carga poética singular à forma abrangente do livro como um todo - vale dizer, ao colar em questão. Com um texto de intensidade ficcional e condensação formal raras na literatura contemporânea, Mia Couto demora-se em lirismos que a sua maestria de ourives da língua consegue extrair de uma escrita simples, calcada em grande parte na fala do homem da sua terra, Moçambique, um pouco à maneira de Guimarães Rosa, ídolo confesso do autor.
A brevidade das pequenas tramas e sua aparente desimportância épica estão focadas na contemplação de situações, de personagens, ou simples estados de espírito plenos de significados implícitos, procedimento típico da poesia. Os neologismos do autor, a que os leitores já se habituaram, para além de mera experimentação formalista revelam-se chaves fundamentais de interpretação da leitura.
Não por acaso, a maioria dos contos de O fio das missangas adentram com fina sensibilidade o universo feminino, dando voz e tessitura a almas condenadas à não-existência, ao esquecimento. Como objetos descartados, uma vez esgotado seu valor de uso, as mulheres são aqui equiparadas ora a uma saia velha, ora a um cesto de comida, ora, justamente, a um fio de missangas. "Agora, estou sentada olhando a saia rodada, a saia amarfanhosa, almarrotada. E parece que me sento sobre a minha própria vida", diz a narradora de uma dessas belíssimas "missangas" literárias.
Blogger Delicious Digg Facebook Google Myspace Netvibes StumbleUpon Technorati Twitter Wordpress
Opinião do leitor
Nome
Cidade
E-mail
Opinião
Indicação (opcional)
 
Sugestões
ACHEI QUE MEU PAI FOSSE DEUS
ERA UMA VEZ UM ALFERES E OUTRAS HISTÓRIAS
JUVENTUDE (EDIÇÃO DE BOLSO)
Páginas
152
Formato
14.00 x 21.00 cm
Peso
0.22500 kg
Acabamento
Brochura
Lançamento
30/01/2009
ISBN
9788535913811
Selo
Companhia das Letras
Mia Couto
Nasceu em 1955, na Beira, Moçambique. É biólogo, jornalista e autor de mais de trinta livros, entre prosa e poesia....
Leia +
Outros títulos do autor:
VOZES ANOITECIDAS - Autor (2013)
MENINA SEM PALAVRA, A - Autor (2013)
Atendimento
Editora Schwarcz S.A.
Rua Bandeira Paulista, 702, cj. 32
04532-002 - São Paulo - SP
Telefone.: 11 3707-3500
Fax: 11 3707-3501
Clique aqui e confira a lista de distribuidores da Companhia das Letras no Brasil e no exterior.
A equipe atual da Companhia das Letras conta com 132 funcionários.
Livros de qualidade, que convidam à leitura Livros para jovens de todas as idades Livros afinados com a sensibilidade infantil Grandes sucessos em edição econômica O melhor dos quadrinhos nacionais e estrangeiros Excelência em livros de apoio ao professor