Autores / Joel Silveira
JOEL SILVEIRA
Nasceu em Aracaju (SE), em 1918 e, em 1937, veio para o Rio de Janeiro, onde conviveu com artistas e intelectuais como Manuel Bandeira, Carlos Drummond de Andrade, Paulo Mendes Campos e Rubem Braga. Famoso pela mordacidade, destacou-se como jornalista e escritor. Cobriu fatos que marcaram a vida política do país. Sua primeira matéria de destaque saiu em 1943, na revista carioca Diretrizes de Samuel Wainer. Trabalhou posteriormente com Assis Chateaubriand nos Diários Associados, em que atuou como correspondente na Itália durante a Segunda Guerra. Recebeu os prêmios Líbero Badaró, Esso Especial, Jabuti, Golfinho de Ouro e Machado de Assis, o mais importante da Academia Brasileira de Letras, em 1998, pelo conjunto de sua obra. Faleceu em agosto de 2007 no Rio de Janeiro.


#JoelSilveira
Títulos
Objetiva
INDISPONÍVEL

Leia +
Companhia das Letras
A política brasileira observada com o estilo e a ironia de uma víbora da reportagem

Joel Silveira foi um dos pioneiros do jornalismo literário no Brasil. A feijoada que derrubou o governo reúne artigos, reportagens e crônicas sobre a política brasileira e internacional, contadas por esta verdadeira fera do texto jornalístico. Posfácio de Leão Serva. Leia +
Companhia das Letras
E outras reportagens

Primeiro título brasileiro da coleção Jornalismo Literário, reúne textos do repórter que cobriu a Segunda Guerra a serviço de Assis Chateaubriand, o Chatô, que o considerava "uma víbora". Com reportagens, crônicas e entrevistas, o livro traça um panorama do país na década de 40, com a marca do bom humor e da ironia de Joel Silveira. Leia +
Faça seu cadastro no Grupo Companhia das Letras e personalize sua experiência