Títulos / Companhia das Letras / NAQUELE DIA
Companhia das Letras
NAQUELE DIA
#NAQUELEDIA
Um romance histórico ágil e ambicioso que, ao colocar em colisão duas vidas distintas, recria um momento crucial da história americana.
Apresentação
Certos momentos históricos são capazes, quase sem que se perceba, de definir uma nação. Ao ambientar este que é seu mais ambicioso romance no fim da Primeira Guerra Mundial, Denis Lehane escolheu uma dessas encruzilhadas em que o novo confronta-se com o velho, em que um passo em falso pode conduzir todo um povo a um futuro incerto.
São tempos sombrios. Os soldados que voltam para casa encontram indústrias bélicas fechando as portas, desemprego, conflitos raciais e políticos de toda sorte. Por um lado, anarquistas e comunistas aproveitam para intensificar suas atividades entre os operários. Por outro, setores da população negra começam a unificar-se num embrião das lutas por direitos civis que tomariam os Estados Unidos nas décadas seguintes. Em meio a esse já turbulento cenário, políticos americanos acenam para uma proibição na venda de bebidas alcoólicas, e a gripe espanhola começa a atravessar o Atlântico.
Ambientado em Boston, cidade natal do autor e que figura em quase todos os seus livros, Naquele dia conta a história de duas vidas em rota de colisão. Danny Coughlin, descendente de irlandeses, é filho de um capitão de polícia e seguiu os passos do pai. Escalado para infiltrar-se em organizações bolcheviques e anarquistas, envolve-se na luta trabalhista e passa a defender a sindicalização do departamento de polícia. Caminhando no fio da navalha entre a ilegalidade e o trabalho de infiltrado, Danny acabará por se tornar figura-chave de uma guerra entre o governo e as forças da lei que se assoma no horizonte.
Já Luther Laurence, o jovem negro cuja vida aos poucos se ligará à de Danny, chega a Boston por um mero acaso. Demitido para dar espaço à mão de obra que virá da Europa com o fim da guerra, e fugindo da polícia por um crime cometido em outro estado, Luther tentará passar despercebido em meio aos inúmeros conflitos sociais que o cercam. Mas Boston, cidade conhecida pela forte imigração de irlandeses, não é exatamente receptiva aos negros e, entre a fuga da polícia e a busca por algum tipo de sobrevivência, Luther se verá embrenhado em uma briga que, se não é sua, passará a dominar seu dia a dia.
Apoiado em uma rigorosa pesquisa, Lehane recria em detalhes a Boston do início do século XX. Mas engana-se quem pensa encontrar aqui um típico romance de época, e leitores de Sobre meninos e lobos e Paciente 67 irão reconhecer a linguagem ágil e os diálogos cortantes que marcam a obra do autor. Dessas duas trajetórias tão distintas, Lehane parece extrair a história moderna de seu país. É como se o leitor pudesse assistir, de um ponto privilegiado, ao nascimento de uma nação, em toda a complexidade que a História exige, e que só os grandes romancistas podem alcançar.
Ficha Técnica
Título original: THE GIVEN DAY
Capa: Kiko Farkas / Máquina Estúdio
Mateus Valadares / Máquina Estúdio
Páginas: 696
Formato: 16.00 x 23.00 cm
Peso: 0.930 kg
Acabamento: Brochura
Lançamento: 16/10/2009
ISBN: 9788535915365
Selo: Companhia das Letras
Autor
Faça seu cadastro no Grupo Companhia das Letras e personalize sua experiência


Grupo Companhia das Letras

Editora Schwarcz S.A. - São Paulo
Rua Bandeira Paulista, 702, cj. 32
04532-002 - São Paulo - SP
Telefone: 11 3707-3500
Fax: 11 3707-3501
Editora Schwarcz S.A. - Rio de Janeiro
Praça Floriano, 19, sala 3001
20031-050 - Rio de Janeiro - RJ
Telefone: 21 3993-7510
Todos os direitos reservados 2017