Livro acessível
0
Carrinho
Títulos / Companhia das Letras / A GÊNESE DA SOCIEDADE DO ESPETÁCULO
Clique para ampliar
Companhia das Letras
A GÊNESE DA SOCIEDADE DO ESPETÁCULO
Teatro em Paris, Berlim, Londres e Viena
#AGENESEDASOCIEDADEDOESPETACULO
Christophe Charle faz um estudo minucioso dos primórdios da sociedade do espetáculo no século XIX, com foco na multidão anônima de atores, diretores e autores que trabalharam no teatro, muitos deles esquecidos pela história.
Apresentação
A celebridade de estrelas dos palcos como Sarah Bernhardt tem ofuscado a importância dos numerosos anônimos que mantinham em funcionamento as engrenagens da vida teatral europeia no século XIX. Provenientes dos mais diversos meios sociais, milhares de homens e mulheres lançaram-se na aventura do teatro, aproveitando o boom das artes cênicas após 1860, interessados em melhorar de vida ou apenas confirmando uma vocação familiar.
O papel fundamental desses desconhecidos na evolução do teatro europeu é investigado pelo historiador francês Christophe Charle por meio de uma pesquisa criteriosa. Valendo-se de cálculos estatísticos e de documentos inéditos da época, o autor aponta na reconstituição da atividade dos atores, diretores, técnicos e dramaturgos que o tempo esqueceu uma chave analítica imprescindível para o estudo dos primórdios da sociedade do espetáculo. Espelhos da profunda transformação capitalista vivida pelo Ocidente a partir de meados do século XIX, os palcos das principais metrópoles de então fornecem amostras sociológicas relevantes da classe teatral europeia, permitindo a Charle delinear um panorama histórico da vida cultural no continente.
O livro faz parte da coleção História Social da Arte, dirigida por Sergio Miceli e Lilia Moritz Schwarcz.
Ficha Técnica
Título original: THÉÂTRES EN CAPITALES - NAISSANCE DE LA SOCIÉTÉ DU SPECTACLE À PARIS, BERLIN, LONDRES ET VIENNE
Tradução: Hildegard Feist
Capa: Angelo Venosa e Fabio Uehara
Páginas: 416
Formato: 16.00 X 23.60 cm
Peso: 0.794 kg
Acabamento: Brochura
Lançamento: 18/01/2012
ISBN: 9788535919899
Selo: Companhia das Letras
Série
ACADEMIAS DE ARTE - Passado e presente
Nikolaus Pevsner
Neste clássico da história da arte, originalmente lançado em 1940, Nikolaus Pevsner pesquisa a evolução do ensino artístico e suas relações com a política, a sociedade e a estética ao longo de quatro séculos, desde as primeiras experiências renascentistas até a Bauhaus alemã. Leia +
A CAIXA DE PANDORA - As transformações de um símbolo mítico
Dora Panofsky e Erwin Panofsky
Neste volume da Coleção História Social da Arte, os historiadores Dora e Erwin Panofsky destrincham os percursos e as metamorfoses do mito de Pandora ao longo dos séculos em diferentes tradições e registros. Leia +
A GÊNESE DA SOCIEDADE DO ESPETÁCULO - Teatro em Paris, Berlim, Londres e Viena
Christophe Charle
Christophe Charle faz um estudo minucioso dos primórdios da sociedade do espetáculo no século XIX, com foco na multidão anônima de atores, diretores e autores que trabalharam no teatro, muitos deles esquecidos pela história. Leia +
HISTÓRIAS DE FANTASMA PARA GENTE GRANDE - Escritos, esboços e conferências
Aby Warburg
Coletânea de ensaios atesta a crescente importância da obra inesgotável de Aby Warburg. Leia +
O MODELO ITALIANO
Fernand Braudel
Neste livro da coleção História Social da Arte, coordenada por Sergio Miceli e Lilia Moritz Schwarcz, o historiador francês Fernand Braudel analisa as condições sociais, culturais e econômicas que propiciaram o apogeu italiano de 1450 a 1650. Leia +
PADRÕES DE INTENÇÃO - A explicação histórica dos quadros
Michael Baxandall
Neste clássico da história social da arte, publicado originalmente em 1985, Michael Baxandall investiga a relação entre o artista e seu tempo, em busca de uma nova maneira de entender obras antigas e modernas. Leia +
A PINTURA DA VIDA MODERNA - Paris na arte de Manet e de seus seguidores
T. J. Clark
Aclamado estudo sobre a pintura impressionista e a Paris do século XIX que se foca nas obras de arte e nas motivações sociais do período. Ensaio revitalizador da crítica da pintura moderna, o livro dá início à coleção História Social da Arte, coordenada por Sérgio Miceli e Lilia Moritz Schwarcz. Edição ilustrada com mais de 120 imagens. Leia +
RETRATO E SOCIEDADE NA ARTE ITALIANA - Ensaios de história social da arte
Enrico Castelnuovo
Reunidos pela primeira vez em livro, estes seis ensaios fundamentais abordam aspectos da arte italiana dos séculos XIV ao XIX e debatem a moderna história social da arte. Leia +
Autor

Assine a newsletter da Companhia