Livro acessível
0
Carrinho
17 resultados
Companhia de Bolso
ou Os gregos e o pessimismo

Primeiro livro de um dos maiores filósofos do século XIX, O nascimento da tragédia despertou polêmica pela ousadia da abordagem e pela militância estética em favor de Wagner, mas se tornou uma das obras mais influentes do século XX. A Companhia das Letras o lança agora numa nova tradução, assinada por Paulo César de Souza. Leia +
Companhia de Bolso
Um livro para todos e para ninguém

O mais famoso livro de Nietzsche conta relato das andanças, dos discursos e encontros inusitados do profeta Zaratustra, que deixa seu esconderijo nas montanhas para pregar aos homens um novo evangelho. Leia +
Companhia de Bolso

Síntese e introdução a todo o seu trabalho, a penúltima obra de Nietzsche é relançada em edição de bolso. Leia +
Companhia de Bolso

O pensamento multifacetado de um dos grandes mestres da filosofia reunido em 758 aforismos traduzidos por Paulo César de Souza. Leia +
Companhia de Bolso

Esses dois livros (editados aqui num só volume) estão entre as obras mais críticas, ambiciosas e atraentes de Nietzsche, que analisa questões ainda hoje candentes no debate sobre arte e modernidade. Leia +
Companhia de Bolso
AURORA (2016)

Aurora (1881) faz uma crítica à moral cristã e suas ilusões. Ao lado de A gaia ciência, é o livro que Nietzsche considerava mais pessoal e pelo qual tinha mais simpatia. A edição inclui o prólogo acrescentado em 1886 e o grupo de poemas "Idílios de Messina". Leia +
Companhia de Bolso

Um dos mais belos e mais importantes livros de Nietzsche, A gaia ciência reúne 383 textos sobre arte, moral, história e teoria do conhecimento, além de muitos poemas (apresentados aqui também no idioma original). Nele aparece a figura de Zaratustra e as famosas teses da "morte de Deus" e do "eterno retorno". Leia +
Companhia de Bolso

Ensaios políticos e literários do ganhador do Nobel de Literatura de 1981. Um dos grandes pensadores europeus do século XX, Canetti reúne aqui textos sobre Confúcio, Tolstói, Kafka e Hitler, além fazer um retrato da tragédia de Hiroxima através do diário de um sobrevivente. Leia +
Companhia de Bolso
a transparência e o obstáculo

Estudo brilhante sobre um dos grandes clássicos da filosofia. Starobinski investiga a amarga reflexão de um Rousseau obrigado a se defrontar com a perda de um mundo regido pela transparência e condenado a viver num mundo mediado pela propriedade e pelas instituições. Leia +
Companhia de Bolso
Vários autores

O conceito de paixão na história, na literatura, na música, na psicanálise, no cinema, nas artes plásticas, na política e na filosofia, discutido em ensaios de intelectuais brasileiros e franceses. Coletânea resultante de curso livre promovido pela Funarte. Leia +
Companhia de Bolso

Interpretando a evolução da ética como uma história da crueldade, Nietzsche critica as mais caras ideologias ocidentais - a compaixão, a igualdade, a crença na verdade - e expõe algumas de suas teses mais controversas. Leia +
Companhia de Bolso

Examinando a evolução do pensamento filosófico e econômico desde a Antigüidade clássica, Giannetti reflete sobre as relações entre ética e economia e propõe a recuperação das virtudes privadas para a vida comunitária organizada e para o progresso das nações. Leia +
Companhia de Bolso

Publicado em 1872, foi o primeiro livro do autor. Causou espanto na época pelo caráter pessoal do texto e pela ousadia da pretensão: contestar a visão clássica dos gregos como povo "sereno e simples" e alçar a obra de Wagner à condição de "renovadora do espírito alemão". Leia +
Companhia de Bolso
ÉTICA (2007)
Vários autores

A partir de múltiplos pontos de vista, importantes intelectuais brasileiros discutem a ética em um mundo contraditório, no qual coexistem princípios de vida e armas de morte. Coletânea resultante de curso livre promovido pela Funarte. Leia +
Companhia de Bolso

Substituindo o arrebatamento pela análise serena e racional, em Humano, demasiado humano Nietzsche expande a forma do aforismo e aborda uma enorme quantidade de temas, abrangendo questões de moral, religião, metafísica, política, relações sociais, amor, arte e literatura. Um dos livros mais acessíveis do autor de Assim falou Zaratustra. Leia +
Companhia de Bolso
AUTOENGANO (2005)

Reflexão profunda e original sobre a necessidade que tem o ser humano de iludir a si mesmo, bem como sobre as implicações éticas dessa tendência na vida pública e na vida pessoal. Leia +
Companhia de Bolso

Nietzsche considerava que este era o seu livro mais importante e mais abrangente. Quase todos os temas de sua filosofia madura estão presentes aqui: o perspectivismo, a vontade de poder e suas ramificações, a crítica da moralidade, a psicologia da religião e a definição de um tipo de homem nobre. Leia +
Fechar
Escolha um vendedor

Assine a newsletter da Companhia