Autor / Ismail Kadaré
ISMAIL KADARÉ


#IsmailKadaré
Títulos
Companhia das Letras
EBOOK R$ 25,00

Neste romance ao mesmo tempo terno e sarcástico, Ismail Kadaré traça um implacável retrato de sua terra natal, entremeando antigas histórias de assombração, entranhas da política internacional e atrocidades das mais diferentes épocas. Leia +
Companhia das Letras
O ACIDENTE (2010)

O que acontece quando o amor bate de frente com a brutalidade da história e da guerra? Intriga amorosa e intriga política se misturam no novo romance de Ismail Kadaré, formando um mosaico estilhaçado pela turbulenta história recente dos Bálcãs. Leia +
Companhia das Letras

Através do olhar lúdico e fabuloso de um menino, Ismail Kadaré relata a violenta chegada da modernidade à sua cidade natal, perdida no interior arcaico da Albânia, numa narrativa em que humor e horror se conjugam e se atritam. Leia +
Companhia de Bolso

Romance cujo enredo trágico é impulsionado pelo Kanun, código de honra que há séculos se transmite oralmente em regiões da Albânia. Determinando que o assassinato é um direito e um dever, o Kanun, minucioso e cruel, aprisiona famílias e aldeias inteiras num círculo vicioso de execuções. Leia +
Companhia das Letras

Neste irresistível "minirromance", Kadaré relata, com doses iguais de fantasia, observação aguda da realidade e ironia, suas experiências de menino na Albânia dos anos 40, traçando um tocante paralelo entre as transformações políticas de seu país e os últimos dias do avô. Leia +
Companhia das Letras

Nestas duas pequenas jóias literárias, escritas com intervalo de quase vinte anos, Ismail Kadaré reforça suas posições políticas sobre a recente história da Albânia comunista, dando-lhe uma nova dimensão mitológica e trágica. Leia +
Companhia das Letras

Ismail Kadaré faz um relato tragicômico da Albânia sob a ditadura comunista, delineado por uma história de amor feita de ambigüidades e dilemas morais. Leia +
Companhia das Letras
O castelo
INDISPONÍVEL

Baseado em fatos históricos sobre o cerco otomano a uma fortaleza cristã na Albânia do século XV, Kadaré faz uma epopéia moderna, comparável à própria Ilíada de Homero. A narrativa realiza a proeza de dividir o coração dos leitores entre os dois lados envolvidos no cerco. Um dos primeiros romances de Kadaré, publicado em 1970. Leia +
Companhia das Letras
A PIRÂMIDE (2000)

Ismail Kadaré transforma a saga da construção da pirâmide de Quéops numa alegoria do poder totalitário. Para o escritor albanês, esse monumento é um símbolo paradoxal: representa o poder absoluto do faraó, mas é também o seu túmulo. Leia +
Companhia das Letras
INDISPONÍVEL

Numa intriga de suspense kafkiano, a história de um homem cuja tarefa consiste em controlar, cadastrar e interpretar os sonhos. Leia +
Companhia das Letras
INDISPONÍVEL

Romance cujo enredo trágico é impulsionado pelo Kanun, código de honra que há séculos se transmite oralmente em regiões da Albânia. Determinando que o assassinato é um direito e um dever, o Kanun, minucioso e cruel, aprisiona famílias e aldeias inteiras num círculo vicioso de execuções. Leia +
Companhia das Letras
INDISPONÍVEL

A trama deste romance salta da China abalada pela agonia de Mao para Paris, atravessando a vastidão dos céus ou detendo-se numa estação de escuta no Pólo Norte, onde um espião enlouquece aos poucos. Mas seu epicentro é a pequenina, milenar e rebelde Albânia dos anos 70. Leia +
Companhia das Letras
DOSSIÊ H (1990)
INDISPONÍVEL

Dois pesquisadores irlandeses chegam a uma cidadezinha albanesa para estudar as narrativas épicas da região, cuja estrutura acreditam ser semelhante à que existia na Grécia de Homero. Kadaré põe a linguagem no centro dos conflitos étnicos que há séculos castigam a Albânia. Leia +


Assine a newsletter da Companhia