Rubens Figueiredo - Grupo Companhia das Letras
Frete grátis para todo o Brasil em compras a partir de R$ 99
Livro acessível
0
Carrinho
Autor|Tradutor|Introdução / Rubens Figueiredo
RUBENS FIGUEIREDO
Nasceu no Rio de Janeiro em 1956. Formado em letras na Universidade Federal do Rio de Janeiro, é tradutor de autores como Dostoiévski e Philip Roth, entre outros, professor de português e tradução literária e um dos mais originais ficcionistas brasileiros contemporâneos. Em 1998 seu livro de contos As palavras secretas recebeu os prêmios Jabuti e Arthur Azevedo. É autor de, entre outros, Barco a seco (Prêmio Jabuti) e Passageiro do fim do dia.
AVISE-ME SOBRE NOVOS LIVROS DESTE AUTOR


#RubensFigueiredo
Catálogo
Companhia das Letras

Duas jovens grávidas confundem seus destinos num perturbador jogo de espelhos. Mais um romance deste mestre do gênero noir, cuja obra inspirou clássicos do cinema como Janela indiscreta. Leia +
Companhia das Letras

Um velho manipulador de bonecos, desempregado, gordo, sujo e trapaceiro arrasta o leitor a seu labirinto de adultério e morte. Romance desbragado e comovente que põe à prova os limites do conhecimento e do sexo na ficção. Leia +
Companhia das Letras

Oito contos que se desenvolvem como parábolas, tendo por tema de fundo a
morte, a construção da identidade e o espelhamento nos outros. Nesse mundo
de pesadelo, o fantástico nunca se define claramente. Prosa elaborada e labiríntica, que hipnotiza o leitor.
Leia +
Companhia das Letras

Empresário judeu bem-sucedido, Seymour Levov casa-se com uma católica em 1949, prefere contratar negros em sua fábrica e dá uma educação liberal à filha. Suas ilusões acabam destruindo o lar que ele imaginava perfeito, à moda dos ideais americanos. Leia +
Promoção Bienal do Livro 2022
Companhia das Letras

Três narrativas ambientadas em Nova York, cidade que se torna a imagem de um labirinto mental feito de crimes e violência, pistas falsas e verdadeiras, acasos e equívocos. Leia +
Companhia das Letras
ALÉM DA FÉ (1999)

De volta à região visitada em 1979 e sobre a qual escreveu em Entre os fiéis, o autor analisa o efeito da conversão de povos não-árabes ao Islã e a perturbação social causada por tal condição, detectando nessas sociedades um elemento de neurose e niilismo que as torna facilmente predispostas a conflitos. Leia +
Companhia das Letras
NA AMÉRICA (2001)

Uma grande atriz polonesa emigra para os Estados Unidos no final do século XIX e constrói ali uma carreira ainda mais triunfante. Sontag tematiza a imagem da América, a busca pela autotransformação, o destino do idealismo, o conflito natureza/cultura, os muitos tipos de amor e as narrativas e seus narradores. National Book Award 2000. Leia +
Companhia das Letras

Demonstrando que é possível para o público leigo traduzir imagens em palavras, Alberto Manguel, com erudição mas sem o árduo vocabulário da crítica, examina obras de arte desde a Roma antiga até o século XX, dedicando capítulos a artistas como Picasso, Caravaggio e Aleijadinho. Leia +
Companhia das Letras

Nesse livro de memórias, o americano Paul Auster (nascido em 1947) alia seus notáveis talentos de poeta, tradutor, ensaísta e ficcionista. As recordações da infância e dos primeiros anos como escritor se entremeiam com uma profunda reflexão sobre a paternidade, o acaso e a literatura. Leia +
Companhia das Letras
TIMBUKTU (1999)

A história de uma amizade: Willy, poeta semilouco, mendigo visionário, vagueia pelas sarjetas com um companheiro que acredita fielmente em suas aventuras, ensinamentos e delírios - mr. Bones, um vira-lata que compreende a língua dos homens. Uma mescla delicada de romance e fábula. Leia +
Companhia das Letras

No coração do mar reproduz com detalhes a tragédia que inspirou o clássico Moby Dick: o naufrágio do baleeiro Essex, que em 1820 foi atacado por uma cachalote. A aventura dos náufragos, que experimentaram os horrores da loucura, da morte e até do canibalismo, leva o leitor a refletir sobre os limites da sobrevivência humana. Leia +
Companhia das Letras

Um brilhante retrato ficcional do pós-guerra, época em que a febre anticomunista contagiava a política e a vida íntima do povo americano. Leia +
Companhia das Letras
LEVIATÃ (2001)

Inflamados pela paixão política e pela sedução sexual, os passos de dois amigos escritores se cruzam e se esbarram no curso de uma intrincada rede de incidentes. Um dos protagonistas insiste na literatura, o outro opta pela ação direta. Ambos querem se fazer ouvir, ambos são apanhados pela natureza arbitrária da vida. Leia +
Companhia das Letras

Poetas ganham fortunas por um soneto; roteiristas de cinema vivem à míngua; homossexuais dominam a sociedade; heterossexuais são mantidos em guetos. Inversões irônicas desse tipo desencadeiam a diabólica arte narrativa de Martin Amis, uma voz capaz de fazer face a toda a arrogância do mundo moderno. Leia +
Companhia das Letras

O ex-detetive Nick Charles e sua esposa Nora - personagens inspirados em Hammett e em sua mulher, a escritora Lillian Hellman - investigam o desaparecimento de um inventor e o assassinato de sua secretária, e, enquanto desmascaram as mentiras dos suspeitos, trocam tiradas espirituosas, entre muitos drinques. Um clássico do gênero policial. Leia +
Companhia das Letras
BARCO A SECO (2001)

Expulso da família pobre com que vivia, um órfão tira partido de circunstâncias incomuns para melhorar de vida. Guardando segredo de sua origem, torna-se perito em arte. O passado, o mar, a traição inevitável, a face destrutiva do conhecimento são temas deste romance contundente e reflexivo. Leia +
Cia das Letras

A história real do naufrágio dos jovens marinheiros caçadores de baleia, que permanceram três meses perdidos na imensidão do Pacífico e que foram obrigados a recorrer ao canibalismo. O episódio inspirou o clássico Moby Dick, de Herman Melville. Esta é uma versão para o público jovem de No coração do mar, também de autoria de Nathaniel Philbrick. Leia +
Companhia das Letras

Nova tradução do livro que marcou época: ensaios pioneiros sobre a relação entre o real, a representação e o poder da imagem na sociedade contemporânea. Expostas em estilo simples e envolvente, as análises de Sontag dialogam com a filosofia, a sociologia, a estética e a arte pictórica. Leia +
Companhia das Letras

Susan Sontag volta a um de seus temas favoritos. Mais de vinte anos depois do clássico Ensaios sobre a fotografia, a autora discute a influência das imagens de sofrimento na vida cotidiana. Sontag analisa a iconografia da dor desde as pinturas de Goya, passando pela Segunda Guerra Mundial e pelo Vietnã, até chegar às imagens do 11 de setembro de 2001. Leia +
Companhia das Letras

Em seu penúltimo livro, a ensaísta Susan Sontag reuniu mais de quarenta artigos das duas últimas décadas. De Machado de Assis a Mapplethorpe, a autora analisa a literatura, o cinema, a fotografia, a música, a dança e outros temas culturais. Faz críticas ao consumismo contemporâneo e conta como foi montar uma peça de Beckett em Sarajevo. Leia +
Companhia das Letras

Em seu primeiro romance, Julie Orringer se inspira na experiência de seus antepassados húngaros durante a Segunda Guerra Mundial para construir uma narrativa ficcional cativante, que pode ser lida como uma história de amor, um thriller de guerra ou um romance histórico. Leia +
Companhia das Letras
Vários autores

Motivo dramático e literário por excelência, o duelo inspirou alguns dos mais destacados escritores do mundo. Nesta coletânea, seis deles desenvolvem suas variações sobre o tema em traduções inéditas, feitas especialmente para o volume. Leia +
Companhia das Letras

Quem está por trás das mortes misteriosas que cercam todos os que se aproximam da garota Gabrielle Leggett? Em nova tradução, Maldição em família é um thriller de diálogos cortantes e ritmo acelerado, escrito pelo criador do detetive Sam Spade e pai do moderno romance policial. Leia +
Companhia das Letras
SERENATA (2009)

Publicado pela primeira vez em 1937, este romance, de um dos mestres da literatura policial americana, conta a história do mirabolante caso de amor entre um cantor de ópera e uma prostituta mexicana. Leia +
Companhia das Letras

Em nove relatos lavrados numa escrita rigorosa e precisa, os mais diversos personagens, todos chamados Pedro, debatem-se entre as necessidades materiais, o desejo e o sentido moral. Leia +
Companhia das Letras

Décadas após a vivência num campo de trabalhos forçados na Sibéria, um homem retorna à região e numa longa carta à enteada revive os anos de sofrimento que passou ao lado do meio-irmão. Leia +
Companhia das Letras

Reunião de ensaios e discursos redigidos por Susan Sontag nos seus últimos anos de vida, Ao mesmo tempo funciona como um fecho inspirado para toda uma vida dedicada ao amor à literatura e ao ativismo político. Leia +
Companhia das Letras

No presente volume dos Diários de Susan Sontag, a futura autora de enorme prestígio internacional detalha seus pensamentos, seu impressionante volume de leituras, seus movimentos no dia a dia e as relações que a levariam a repensar em profundidade suas noções de sexo, amor e parentesco, tudo isso antes dos trinta anos. Leia +
Companhia das Letras

Encabeçadas por "Janela indiscreta", que deu origem à obra-prima de Alfred Hitchcock, as cinco histórias deste livro, publicadas originalmente nos anos 40, trazem toda a genialidade de Cornell Woolrich, um dos mestres do romance noir. Leia +
Companhia das Letras

Às turras com a lei, mulheres e um mafioso que destruiu seu carro a pauladas, Charlie Citrine recebe do amigo um presente do além-túmulo, um legado que poderá colocar sua vida no eixo ou terminar por enterrá-la. Leia +
Encontrados 77 livros deste autor.


Assine a newsletter da Companhia