Livro acessível
0
Carrinho
Catálogo / Companhia das Letrinhas / SAPOS NÃO ANDAM DE SKATE
#SAPOSNAOANDAMDESKATE
Dezesseis fábulas "que Esopo poderia ter contado se vivesse nos dias de hoje", explicam os autores no "Sério prefácio histórico". Cada uma delas têm uma moral "novinha em folha", como esta: "Todo mundo sabe que sapos não andam de skate, mas o que é mais triste é que eles acreditam em tudo o que vêem na tevê".
Apresentação
Esta é uma "coletânea de fábulas que Esopo poderia ter contado se vivesse nos dias de hoje". Em uma delas, o Sapo viu na tevê um comercial sobre uns tênis especiais para andar de skate. O sujeito do comercial era fera. Calçava o tênis e, tranqüilamente, saía por aí fazendo mil manobras geniais. O Sapo foi correndo comprar o tênis. Calçou-os tranqüilamente, subiu no skate e saiu por aí. Foi mesmo genial a forma como se esborrachou com a cara no chão. Veio então o Gato, manobrando a toda a velocidade em seu skate. Ajudou o Sapo a se levantar e lhe disse. "Que tênis legal, cara". "Valeu", respondeu o Sapo. Moral da história: "Todo mundo sabe que sapos não andam de skate, mas o que é mais triste é que eles acreditam em tudo o que vêem na tevê".
Ficha Técnica
Título original: Squids will be squids
Tradução: Eduardo Brandão
Páginas: 48
Formato: 22.50 X 30.00 cm
Peso: 0.239 kg
Acabamento: Livro brochura
Lançamento: 30/04/2001
ISBN: 9788574060903
Selo: Companhia das Letrinhas
Autor
Comentários

Deixe seu comentário

Você deve estar logado para comentar
Faça seu login

Assine a newsletter da Companhia