Home | Livros | Pequena Zahar | UMA AVENTURA DO VELHO BAOBÁ
CLIQUE PARA AMPLIAR
Ler um trecho

UMA AVENTURA DO VELHO BAOBÁ

Inaldete Pinheiro de Andrade
Previsão de reimpressão: 04/2024

Apresentação

Uma alegoria que convida o leitor a refletir sobre ancestralidade, raízes culturais e a diáspora negra africana no Brasil.

Frequentemente comprados juntos

Pequena Zahar

Uma aventura do Velho Baobá

Inaldete Pinheiro de Andrade

R$ 54,90

Brinque-Book

Dumazi e o grande leão amarelo

Valanga Khoza

R$ 54,90

Companhia das Letrinhas

Tayó em quadrinhos

Kiusam de Oliveira

R$ 49,90

Preço total de

R$ 159,70

Adicionar ao carrinho

Você pode gostar também de

Companhia das Letrinhas

O silêncio da água (Nova edição)

José Saramago

R$ 64,90

Companhia das Letrinhas

A raposa vai de carro

Susanne Strasser

R$ 54,90

Pequena Zahar

Eu falo como um rio

Jordan Scott

R$ 69,90

Indisponível

Brinque-Book

Dumazi e o grande leão amarelo

Valanga Khoza

R$ 54,90

Companhia das Letrinhas

E foi assim que eu e a Escuridão ficamos amigas

Emicida

R$ 44,90

Companhia das Letrinhas

De passinho em passinho

Otávio Júnior

R$ 49,90

Brinque-Book

A carta de Moussa

Roser Rimbau

R$ 59,90

Ficha Técnica

Páginas: 32 Formato: 18.50 X 27.00 cm Peso: 0.145 kg Acabamento: Livro brochura Lançamento: 10/01/2022
ISBN: 978-65-8840-709-7 Selo: Pequena Zahar Capa: Ianah Maia Ilustração: Ianah Maia

SOBRE O LIVRO

Uma alegoria que convida o leitor a refletir sobre ancestralidade, raízes culturais e a diáspora negra africana no Brasil.

Quando um velho baobá nativo das savanas da África decide atravessar o oceano Atlântico para encontrar seus parentes em terras brasileiras, somos convidados a acompanhar seu deslocamento numa jornada tecida de encontros e momentos de grande emoção.

Entre relatos de luta pela sobrevivência e descaso, mas também de muita solidariedade e perseverança, Velho Baobá deixará uma mensagem de ânimo e esperança durante seu percurso, alegrando-se especialmente com os frutos das novas gerações, destinadas a se transformarem no maior tronco do mundo.

Vista por muitos como símbolo de resistência africana no Brasil, essa árvore que pode chegar a viver mais de mil anos é, na presente narrativa, testemunha de tempos imemoriais, assim como um símbolo de conexão entre o mundo sobrenatural e o mundo material e um laço simbólico com o continente africano.

Indicado para leitores a partir de 3 anos.

Sobre o autor