Home | Livros | Companhia das Letras | ENSAIO SOBRE A CEGUEIRA (NOVA EDIÇÃO)
CLIQUE PARA AMPLIAR

ENSAIO SOBRE A CEGUEIRA (NOVA EDIÇÃO)

José Saramago

R$ 62,90

/ À vista

Apresentação

Uma terrível ""treva branca"" vai deixando cegos, um a um, os habitantes de uma cidade. Com essa fantasia aterradora, Saramago nos obriga fechar os olhos e ver. Recuperar a lucidez, resgatar o afeto: essas são as tarefas do escritor e de cada leitor, diante da pressão dos tempos e do que se perdeu.

Frequentemente comprados juntos

Companhia das Letras

Ensaio sobre a cegueira (Nova edição)

José Saramago

R$ 62,90

Companhia das Letras

Ensaio sobre a lucidez (Nova edição)

José Saramago

R$ 59,90

Companhia das Letras

As intermitências da Morte (Nova edição)

José Saramago

R$ 54,90

Preço total de

R$ 177,70

Adicionar ao carrinho

Você pode gostar também de

Companhia das Letras

Ideias para adiar o fim do mundo (Nova edição)

Ailton Krenak

R$ 34,32

Companhia das Letras

Grande sertão: veredas

João Guimarães Rosa

R$ 99,90

Companhia das Letras

Ensaio sobre a lucidez (Nova edição)

José Saramago

R$ 59,90

Companhia das Letras

Pequeno manual antirracista

Djamila Ribeiro

R$ 39,90

Companhia das Letras

As intermitências da Morte (Nova edição)

José Saramago

R$ 54,90

Clássicos Zahar

O conde de Monte Cristo: edição comentada e ilustrada

Alexandre Dumas

R$ 214,90

Companhia das Letras

Uma terra prometida

Barack Obama

R$ 87,90

Companhia das Letrinhas

Malala, a menina que queria ir para a escola

Adriana Carranca

R$ 49,90

Indisponível

Seguinte

Conectadas

Clara Alves

R$ 38,43

Paralela

O acordo - Sucesso no TikTok

Elle Kennedy

R$ 59,90

Ficha Técnica

Título original: Ensaio sobre a cegueira (nova edição) Páginas: 312 Formato: 14.00 X 21.00 cm Peso: 0.389 kg Acabamento: Livro brochura Lançamento: 03/04/2020
ISBN: 978-85-3593-031-3 Selo: Companhia das Letras Ilustração:

SOBRE O LIVRO

Uma terrível ""treva branca"" vai deixando cegos, um a um, os habitantes de uma cidade. Com essa fantasia aterradora, Saramago nos obriga fechar os olhos e ver. Recuperar a lucidez, resgatar o afeto: essas são as tarefas do escritor e de cada leitor, diante da pressão dos tempos e do que se perdeu.

Um motorista parado no sinal se descobre subitamente cego. É o primeiro caso de uma ""treva branca"" que logo se espalha incontrolavelmente. Resguardados em quarentena, os cegos se perceberão reduzidos à essência humana, numa verdadeira viagem às trevas.

O Ensaio sobre a cegueira é a fantasia de um autor que nos faz lembrar ""a responsabilidade de ter olhos quando os outros os perderam"". José Saramago nos dá, aqui, uma imagem aterradora e comovente de tempos sombrios, à beira de um novo milênio, impondo-se à companhia dos maiores visionários modernos, como Franz Kafka e Elias Canetti.Cada leitor viverá uma experiência imaginativa única. Num ponto onde se cruzam literatura e sabedoria, José Saramago nos obriga a parar, fechar os olhos e ver. Recuperar a lucidez, resgatar o afeto: essas são as tarefas do escritor e de cada leitor, diante da pressão dos tempos e do que se perdeu: ""uma coisa que não tem nome, essa coisa é o que somos"".

""Sim, o Ensaio sobre a cegueira é um livro para se ler neste momento de reclusão e confinamento do coronavírus. Mas não para pensar sobre como uma doença que se espalha sem controle pode mudar nossa vida, mas como nossa vida talvez estivesse completamente equivocada antes que essa doença chegasse."" -- Renato Rovai, Revista Fórum



A caligrafia da capa é de autoria do músico e escritor Chico Buarque.

Sobre o autor

Material para o professor