Home | Livros | Zahar | A TERCEIRA / TEORIA DE LALÍNGUA
CLIQUE PARA AMPLIAR

A TERCEIRA / TEORIA DE LALÍNGUA

Jacques-Alain Miller e Jacques Lacan
Tradução: Teresinha N. Meirelles do Prado

R$ 69,90

/ À vista

Apresentação

A terceira é a última conferência de Jacques Lacan em Roma, por ocasião do VII Congresso da Escola Freudiana de Paris. Teoria de lalíngua é o pronunciamento subsequente de Jacques-Alain Miller, no qual ele discorre sobre esse conceito fundamental, retomado por Lacan em sua fala aos participantes. É ainda uma celebração ao mestre e um manifesto.

Frequentemente comprados juntos

Zahar

A terceira / Teoria de lalíngua

Jacques-Alain Miller e Jacques Lacan

R$ 69,90

Zahar

Nos confins do Seminário

Jacques Lacan

R$ 69,90

Zahar

Lacan redivivus

Jacques-Alain Miller (Org.) e Christiane Alberti (Org.)

R$ 189,90

Preço total de

R$ 329,70

Adicionar ao carrinho

Você pode gostar também de

Zahar

Nos confins do Seminário

Jacques Lacan

R$ 69,90

Zahar

Fundamentos da psicanálise de Freud a Lacan - Vol. 4

Marco Antonio Coutinho Jorge

R$ 89,90

Companhia das Letras

O Evangelho segundo Jesus Cristo (Edição especial)

José Saramago

R$ 104,90

Companhia das Letras

Pessoa: uma biografia

Richard Zenith

R$ 199,90

Companhia das Letras

Catarina, a Grande, & Potemkin

Simon Sebag Montefiore

R$ 129,90

Fontanar

Alzheimer não é o fim

Fernando Aguzzoli

R$ 59,90

Quadrinhos na Cia

Che: Uma vida revolucionária

Jon Lee Anderson

R$ 119,90

Ficha Técnica

Título original: La troisième; Théorie de lalangue Páginas: 112 Formato: 14.00 X 21.00 cm Peso: 0.167 kg Acabamento: Livro brochura Lançamento: 30/01/2023
ISBN: 978-65-5979-094-4 Selo: Zahar Capa: Fernanda Ficher Ilustração:

SOBRE O LIVRO

A terceira é a última conferência de Jacques Lacan em Roma, por ocasião do VII Congresso da Escola Freudiana de Paris. Teoria de lalíngua é o pronunciamento subsequente de Jacques-Alain Miller, no qual ele discorre sobre esse conceito fundamental, retomado por Lacan em sua fala aos participantes. É ainda uma celebração ao mestre e um manifesto.

Roma, 1º de novembro de 1974. Jacques Lacan se dirigia aos membros da Escola Freudiana de Paris. Ele não anunciou o tema, apenas deu à sua intervenção um título enigmático, mas que iniciados entenderiam: A terceira.
Era, de fato, a terceira vez que tomava a palavra naquela cidade. Em sua fala, aqui reproduzida na íntegra -- com texto estabelecido e comentado por Jacques-Alain Miller -- ele renova seu próprio ensino. É hora de lalíngua, do gozo, do nó borromeano; de trabalhar uma redefinição dos três termos que estão na base de seu ensino: o simbólico, o real e o imaginário.
No dia seguinte, Jacques-Alain Miller -- herdeiro moral de Lacan -- apresenta-se na tribuna do mesmo congresso. Ele acabara de descobrir que a Escola Freudiana de Paris já não seguia verdadeiramente a orientação lacaniana. Com nova tradução para o português, Teoria de lalíngua é o registro de seu pronunciamento aos colegas psicanalistas.

Sobre o autor