Home | Livros | Companhia das Letras | LIQUIDAÇÃO
CLIQUE PARA AMPLIAR
Ler um trecho

LIQUIDAÇÃO

Imre Kertész
Tradução: Paulo Schiller

Apresentação

História dos mistérios que cercam o suicídio do escritor húngaro B., Liquidação é um romance, uma peça e também uma investigação sobre as possibilidades de criação artística após Auschwitz. Em 2002, Imre Kertész ganhou o Prêmio Nobel de Literatura.

Frequentemente comprados juntos

Companhia das Letras

Liquidação

Imre Kertész

R$ 59,90

Companhia das Letras

O livro da gramática interior

David Grossman

R$ 99,90

Companhia das Letras

Ficando longe do fato de já estar meio que longe de tudo

David Foster Wallace

R$ 89,90

Preço total de

R$ 249,70

Adicionar ao carrinho

Você pode gostar também de

Companhia das Letras

A língua exilada

Imre Kertész

R$ 59,90

Indisponível

Companhia das Letras

O livro da gramática interior

David Grossman

R$ 99,90

Companhia das Letras

Diante da dor dos outros

Susan Sontag

R$ 59,90

Indisponível

Companhia das Letras

Ficando longe do fato de já estar meio que longe de tudo

David Foster Wallace

R$ 89,90

Indisponível

Companhia das Letras

Veredicto em canudos

Sándor Márai

R$ 59,90

Alfaguara

Meridiano de sangue (Nova edição)

Cormac McCarthy

R$ 89,90

Companhia das Letras

Confissões de um burguês

Sándor Márai

R$ 74,90

Indisponível

Companhia das Letras

Jogo de cena em Bolzano

Sándor Márai

R$ 69,90

Companhia das Letras

Paratii

Amyr Klink

R$ 99,90

Indisponível

Companhia das Letras

Breve história de quase tudo

Bill Bryson

R$ 99,90

Companhia das Letras

Divórcio em buda

Sándor Márai

R$ 39,90

Indisponível

Ficha Técnica

Título original: Felszámolás Páginas: 112 Formato: 14.00 X 21.00 cm Peso: 0.18 kg Acabamento: Livro brochura Lançamento: 02/12/2005
ISBN: 978-85-3590-758-2 Selo: Companhia das Letras Ilustração:

SOBRE O LIVRO

História dos mistérios que cercam o suicídio do escritor húngaro B., Liquidação é um romance, uma peça e também uma investigação sobre as possibilidades de criação artística após Auschwitz. Em 2002, Imre Kertész ganhou o Prêmio Nobel de Literatura.

B., um escritor húngaro, suicida-se e deixa como legado uma peça de teatro intitulada Liquidação. Um dos personagens do manuscrito é o editor de B., Amargo, o protagonista deste desconcertante romance do ganhador do Prêmio Nobel de Literatura de 2002, Imre Kertész. É Amargo que, analisando a peça e investigando o passado do amigo morto, descobre as causas mais profundas de um gesto tão radical.
Não espere aqui as convenções e peripécias do gênero policial. A investigação de Amargo está menos preocupada com os fatos - como a possível existência de outro manuscrito obscuro - do que com suas ressonâncias éticas e filosóficas. B. é uma das poucas crianças nascidas em Auschwitz, e o suicídio remete à condição individual possível em meio à armadilha histórica: assim como a Hungria e o próprio Kertész, o personagem passou a maior parte do século XX dividido entre o totalitarismo de Hitler e o de Stalin.

Sobre o autor

Prêmios