Home | Livros | Seguinte | DE REPENTE NAS PROFUNDEZAS DO BOSQUE
CLIQUE PARA AMPLIAR
Ler um trecho

DE REPENTE NAS PROFUNDEZAS DO BOSQUE

Amós Oz
Tradução: Tova Sender

R$ 64,90

R$ 55,17

/ À vista

Apresentação

O escritor israelense Amós Oz muda de registro e constrói uma fábula atemporal, mas que diz muito sobre os grandes temas de nossa época, como a intolerância, a discriminação e o difícil convívio dos homens entre si e com a natureza.

Frequentemente comprados juntos

Seguinte

De repente nas profundezas do bosque

Amós Oz

R$ 55,17

Pequena Zahar

Os vizinhos

Einat Tsarfati

R$ 69,90

Companhia das Letras

Ideias para adiar o fim do mundo (Nova edição)

Ailton Krenak

R$ 44,90

Preço total de

R$ 169,97

Adicionar ao carrinho

Você pode gostar também de

Companhia das Letras

Pantera no porão

Amós Oz

R$ 59,42

Companhia das Letras

De amor e trevas

Amós Oz

R$ 93,42

Companhia das Letras

Rimas da vida e da morte

Amós Oz

R$ 64,90

Indisponível

Companhia das Letras

Cenas da vida na aldeia

Amós Oz

R$ 59,42

Companhia das Letras

Do que é feita a maçã

Amós Oz Shira Hadad

R$ 55,17

Companhia das Letras

Como curar um fanático

Amós Oz

R$ 59,90

Companhia das Letras

O conto da ilha desconhecida

José Saramago

R$ 69,90

Ficha Técnica

Páginas: 144 Formato: 15.00 X 20.00 cm Peso: 0.243 kg Acabamento: Livro brochura Lançamento: 30/03/2007
ISBN: 978-85-3590-996-8 Selo: Seguinte Ilustração:

SOBRE O LIVRO

O escritor israelense Amós Oz muda de registro e constrói uma fábula atemporal, mas que diz muito sobre os grandes temas de nossa época, como a intolerância, a discriminação e o difícil convívio dos homens entre si e com a natureza.

Uma pequena aldeia atravessada por um rio cristalino e rodeada por um bosque frondoso tem uma particularidade insólita: não há nela nem um único animal. Nem animais domésticos, nem silvestres; nem peixes, nem aves; nem mesmo insetos de qualquer espécie perturbam a monotonia da vida dos aldeões.
Mas dois garotos, Mati e sua amiga Maia, não se conformam com os rodeios e as histórias mal contadas dos adultos e resolvem investigar por conta própria, desafiando a proibição de entrar no bosque, onde reina o temível Nehi, o demônio das montanhas. Depois dessa aventura, nenhum dos dois será mais o mesmo - nem a aldeia.
Numa linguagem desenvolta, plena de humor e sutileza, Oz nos envolve num universo assombroso e fascinante, exaltando o poder do conhecimento, da independência de espírito e da ética pessoal contra as idéias feitas que perpetuam a discriminação, a intolerância, a opressão. Não há, portanto, solução de continuidade entre a empenhada literatura "adulta" do escritor e esta que ele definiu apropriadamente como "uma fábula para todas as idades".

Sobre o autor