Home | Livros | Companhia das Letras | A LITERATURA NAZISTA NA AMÉRICA
CLIQUE PARA AMPLIAR
Ler um trecho

A LITERATURA NAZISTA NA AMÉRICA

Roberto Bolaño
Tradução: Rosa Freire d'Aguiar

R$ 67,90

/ À vista

Apresentação

Este livro é, nas palavras do autor, "uma antologia vagamente enciclopédica da literatura nazista produzida na América entre 1930 e 2010". Com a publicação desta coletânea de escritores fictícios e infames, Roberto Bolaño chamou pela primeira vez a atenção da crítica, que o saudou por sua "originalidade e imaginação brilhante".

Frequentemente comprados juntos

Companhia das Letras

A literatura nazista na América

Roberto Bolaño

R$ 67,90

Companhia das Letras

O espírito da ficção científica

Roberto Bolaño

R$ 54,90

Companhia das Letras

2666

Roberto Bolaño

R$ 87,90

Preço total de

R$ 210,70

Adicionar ao carrinho

Você pode gostar também de

Companhia das Letras

O espírito da ficção científica

Roberto Bolaño

R$ 54,90

Companhia das Letras

Putas assassinas

Roberto Bolaño

R$ 59,90

Indisponível

Companhia das Letras

Chamadas telefônicas

Roberto Bolaño

R$ 62,90

Companhia das Letras

Grande sertão: veredas

João Guimarães Rosa

R$ 99,90

Companhia das Letras

Os detetives selvagens

Roberto Bolaño

R$ 87,90

Companhia das Letras

Antologia da literatura fantástica

Jorge Luis Borges Adolfo Bioy Casares Silvina Ocampo

R$ 102,90

Indisponível

Companhia das Letras

O crime da Galeria de Cristal

Boris Fausto

R$ 77,90

Companhia das Letras

O povo contra a democracia

Yascha Mounk

R$ 92,90

Ficha Técnica

Título original: La literatura nazi en America Páginas: 240 Formato: 14.00 X 21.00 cm Peso: 0.301 kg Acabamento: Livro brochura Lançamento: 14/03/2019
ISBN: 978-85-3593-206-5 Selo: Companhia das Letras Ilustração:

SOBRE O LIVRO

Este livro é, nas palavras do autor, "uma antologia vagamente enciclopédica da literatura nazista produzida na América entre 1930 e 2010". Com a publicação desta coletânea de escritores fictícios e infames, Roberto Bolaño chamou pela primeira vez a atenção da crítica, que o saudou por sua "originalidade e imaginação brilhante".

Organizada como uma antologia de escritores simpáticos ao horror, esta engenhosa obra compila perfis dedicados à vida e aos livros de autores de um cânone fictício e delirante. Ao antecipar todas as temáticas que viriam a ser recorrentes na obra do autor, A literatura nazista na América é um livro-chave e cada vez mais atual na sua reflexão sobre o mal e a violência. As vidas imaginárias perfiladas neste livro – que pode ser lido como um volume de contos, mas, principalmente, como um romance, como queria seu autor – irão se converter numa paródia sombria (e atual) da história real da literatura e da política do continente.



"Neste livro, Bolaño radicaliza seu projeto de tirar a literatura do pedestal e mostrar como ela é também cúmplice da barbárie. O nazifascismo não morreu: sua ideologia persiste difusa em toda cultura." – Antônio Xerxenesky



"O autor chileno escancara a debilidade e hipocrisia de nossas sociedades letradas quando se trata de sua relação com o poder." – Edmundo Paz Soldán



"Na obra de Bolaño, a literatura é uma compulsão indigna e não particularmente agradável, como fumar." – N+1



"Sua maneira de construir textos ao mesmo tempo desconcertantes, brilhantes e infinitamente próximos é uma forma de resistir ao mal, à adversidade, à mediocridade." – Le Monde

Sobre o autor