Home | Livros | Zahar | DITADURA E DEMOCRACIA NO BRASIL
CLIQUE PARA AMPLIAR

DITADURA E DEMOCRACIA NO BRASIL

Do golpe de 1964 à Constituição de 1988

Daniel Aarão Reis

Você pode gostar também de

Zahar

Ditadura militar, esquerdas e sociedade

Daniel Aarão Reis

R$ 44,90

Zahar

As universidades e o regime militar

Rodrigo Patto Sá Motta

R$ 99,90

Objetiva

Modernização, ditadura e democracia: 1964-2010

Daniel Aarão Reis

R$ 69,90

Zahar

A política nos quartéis

Maud Chirio

R$ 82,90

Companhia das Letras

O Brasil contra a democracia

Roberto Simon

R$ 117,90

Indisponível

Zahar

Por uma revolução africana

Frantz Fanon

R$ 72,90

Companhia das Letras

Brasil: uma biografia

Lilia Moritz Schwarcz Heloisa Murgel Starling

R$ 92,90

Indisponível

Companhia das Letras

Dicionário da escravidão e liberdade

Lilia Moritz Schwarcz Flávio dos Santos Gomes

R$ 87,90

Zahar

Como as democracias morrem

Steven Levitsky Daniel Ziblatt

R$ 79,90

Zahar

O cru e o cozido

Claude Lévi-Strauss

R$ 90,32

Companhia das Letras

A revolução que mudou o mundo - Rússia, 1917

Daniel Aarão Reis

R$ 62,90

Ficha Técnica

Páginas: 192 Formato: 14.00 X 21.00 cm Peso: 0.246 kg Acabamento: Livro brochura Lançamento: 20/02/2014
ISBN: 978-85-3781-182-5 Selo: Zahar Ilustração:

SOBRE O LIVRO

No ano 2000, o historiador Daniel Aarão Reis escreveu para a Zahar um pequeno livro para a coleção Descobrindo o Brasil, Ditadura Militar, esquerdas e sociedade. Nele, Aarão defende a tese de que, ao contrário do que pensamos, a ditadura no Brasil não foi imposta de cima para baixo, pelas elites, mas seriam, sim, construções históricas de sociedades concretas, apesar e para além das oposições e resistências. A partir desse fio condutor, convidava o leitor a uma viagem crítica pela ditadura militar que a sociedade brasileira construiu.
Hoje, cinquenta anos depois do golpe de 1964, o autor revisita o tema, amplia o conteúdo estudado e traz novas luzes à sua pesquisa. Segundo ele, diferentes versões da história ainda não explicam nem conseguem compreender as raízes, as bases e os fundamentos históricos da ditadura, as complexas relações que se estabeleceram entre ela e a sociedade e, em contraponto, o papel desempenhado pelas esquerdas no período. Também não explicam, nem conseguem compreender, a ditadura no contexto das relações internacionais e na história mais ampla deste país - as tradições em que se apoiou e o legado de seus feitos e realizações que perdura até hoje. Esse então é o desafio que o livro pretende enfrentar.

Sobre o autor