Home | Livros | Alfaguara | STELLA MARIS
CLIQUE PARA AMPLIAR

STELLA MARIS

Cormac McCarthy
Tradução: Cássio de Arantes Leite

R$ 59,90

/ À vista

Apresentação

No segundo volume do díptico iniciado com O passageiro, o vencedor do Prêmio Pulitzer Cormac McCarthy mergulha na vida de Alicia, internada no hospital psiquiátrico Stella Maris no início dos anos 1970. Em sessões com seu terapeuta, ela aos poucos narra sua história, num retrato íntimo sobre a perda, a saudade e a loucura.

Frequentemente comprados juntos

Alfaguara

Stella Maris

Cormac McCarthy

R$ 59,90

Alfaguara

O passageiro

Cormac McCarthy

R$ 84,90

Companhia das Letras

Como organizar uma biblioteca

Roberto Calasso

R$ 64,90

Preço total de

R$ 209,70

Adicionar ao carrinho

Você pode gostar também de

Alfaguara

O passageiro

Cormac McCarthy

R$ 84,90

Companhia das Letras

Submundo (Nova edição)

Don DeLillo

R$ 154,90

Companhia das Letras

Odisseia (Edição comentada)

Homero

R$ 139,90

Companhia das Letras

Triste não é ao certo a palavra

Gabriel Abreu

R$ 64,90

Indisponível

Companhia das Letras

Os detetives da Linha Púrpura

Deepa Anappara

R$ 89,90

Alfaguara

A travessia (Nova edição)

Cormac McCarthy

R$ 89,90

Companhia das Letras

Um livro dos dias

Patti Smith

R$ 104,90

Companhia das Letras

A invasão do povo do espírito

Juan Pablo Villalobos

R$ 74,90

Companhia das Letras

Como organizar uma biblioteca

Roberto Calasso

R$ 64,90

Companhia das Letras

Incidente em Antares (Edição especial)

Erico Verissimo

R$ 179,90

Companhia das Letras

Por lugares devastados

John Boyne

R$ 74,90

Ficha Técnica

Título original: Stella Maris Páginas: 184 Formato: 15.00 X 23.40 cm Peso: 0.258 kg Acabamento: Livro brochura Lançamento: 06/04/2023
ISBN: 978-85-5652-162-0 Selo: Alfaguara Capa: Casa Rex Ilustração:

SOBRE O LIVRO

No segundo volume do díptico iniciado com O passageiro, o vencedor do Prêmio Pulitzer Cormac McCarthy mergulha na vida de Alicia, internada no hospital psiquiátrico Stella Maris no início dos anos 1970. Em sessões com seu terapeuta, ela aos poucos narra sua história, num retrato íntimo sobre a perda, a saudade e a loucura.

"McCarthy volta com dois golpes em sequência [...]. O esperado retorno de uma lenda." -- Esquire


1972, Black River Falls, Wisconsin: Alicia Western, aos vinte anos de idade e com quarenta mil dólares em um saco plástico, dá entrada no hospital psiquiátrico Stella Maris. Candidata ao doutorado em matemática pela Universidade de Chicago, é diagnosticada como paranoide esquizofrênica, com um longo histórico de alucinações visuais e auditivas.
Em conversas com seu terapeuta, Alicia contempla a natureza da loucura e a insistência humana em ver o mundo sempre de uma única forma. Ela se lembra da infância e discute as interseções entre filosofia e física, narrando ao doutor suas quimeras e alucinações -- personagens surreais que falam com ela e que só ela pode ver.
Enquanto isso, ela tenta suportar a falta de Bobby, seu irmão, que sofreu um acidente e está entre a vida e a morte. Alicia ressente sua distância e ausência, mas não quer falar da relação que tiveram: uma relação de amor proibida, que deixou marcas profundas em ambos.
Narrado por meio de transcrições das sessões psiquiátricas, Stella Maris não é apenas uma sequência de O passageiro; é um livro que o complementa ao acrescentar uma nova perspectiva à história de Bobby Western -- e proporciona uma discussão filosófica que questiona as noções de Deus, da verdade e da própria existência. É um romance enigmático e profundo, de um dos maiores mestres da literatura norte-americana atual.

Sobre o autor