CLIQUE PARA AMPLIAR

Apresentação

Um grande intelectual italiano reconta a mitologia abrindo mão, até certo ponto, do que entendemos por autoria. Implicitamente, seu texto converge para o título: Ka significa "quem?", e é a última pergunta que se faz depois de todas já terem sido feitas.

Frequentemente comprados juntos

Companhia das Letras

Ka

Roberto Calasso

R$ 89,90

Companhia das Letras

A folie Baudelaire

Roberto Calasso

R$ 97,67

Companhia das Letras

O ardor

Roberto Calasso

R$ 101,92

Preço total de

R$ 289,49

Adicionar ao carrinho

Você pode gostar também de

Companhia das Letras

A folie Baudelaire

Roberto Calasso

R$ 97,67

Companhia das Letras

A literatura e os deuses

Roberto Calasso

R$ 59,42

Companhia das Letras

As núpcias de Cadmo e Harmonia

Roberto Calasso

R$ 79,90

Indisponível

Companhia das Letras

O inominável atual

Roberto Calasso

R$ 84,92

Companhia das Letras

Os 49 degraus

Roberto Calasso

R$ 47,90

Indisponível

Companhia das Letras

Clássico anticlássico

Giulio Carlo Argan

R$ 92,90

Indisponível

Companhia das Letras

Dialética da colonização

Alfredo Bosi

R$ 89,90

Companhia das Letras

O fio e os rastros

Carlo Ginzburg

R$ 99,90

Penguin-Companhia

David Copperfield

Charles Dickens

R$ 94,90

Clássicos Zahar

Jaqueta Branca: edição comentada

Herman Melville

R$ 69,93

Ficha Técnica

Título original: Ka Páginas: 400 Formato: 14.00 X 21.00 cm Peso: 0.49 kg Acabamento: Livro brochura Lançamento: 28/04/1999
ISBN: 978-85-7164-886-9 Selo: Companhia das Letras Ilustração:

SOBRE O LIVRO

Um grande intelectual italiano reconta a mitologia abrindo mão, até certo ponto, do que entendemos por autoria. Implicitamente, seu texto converge para o título: Ka significa "quem?", e é a última pergunta que se faz depois de todas já terem sido feitas.

"Quem é Ka?", pergunta-se o imenso pássaro Garuda ao encontrar esse nome no final de um hino dos Vedas. Ka é o nome secreto de Prajápati, o Progenitor. "Ka" significa "Quem?", e é a última pergunta que se faz depois que todas as outras já foram feitas.Nas palavras de um antigo texto indiano, "o mundo é como a impressão que deixa uma história contada". Para responder à última pergunta, é preciso atravessar todas as histórias. Para atravessar todas as histórias, é preciso imitar Garuda e fazer a pergunta sobre quem, silenciosamente, abriga o mundo: Ka.Como já havia feito com a mitologia grega em As núpcias de Cadmo e Harmonia, em Ka o italiano Roberto Calasso reconta narrativas da mitologia indiana: imbuído de um profundo respeito, leva-nos às fontes de uma das grandes culturas do mundo.

Sobre o autor