Home | Livros | Companhia das Letras | PEIXE ESTRANHO
CLIQUE PARA AMPLIAR
Ler um trecho

PEIXE ESTRANHO

Romance

Leonardo Brasiliense

R$ 69,90

/ À vista

Apresentação

Marvin se casou e se separou duas vezes. Mas, apesar das feridas, ainda acredita no amor. Agora, com Analice, tudo será diferente. Ela é bonita, paciente, compreensiva e educada. Ela é perfeita. Marvin espera não levar mais pancadas da vida. Analice é uma boneca de silicone.

Frequentemente comprados juntos

Companhia das Letras

Peixe estranho

Leonardo Brasiliense

R$ 69,90

Companhia das Letras

Solitária

Eliana Alves Cruz

R$ 59,90

Alfaguara

Corpo desfeito

Jarid Arraes

R$ 43,92

Preço total de

R$ 173,72

Adicionar ao carrinho

Você pode gostar também de

Ficha Técnica

Páginas: 120 Formato: 14.00 X 21.00 cm Peso: 0.174 kg Acabamento: Livro brochura Lançamento: 26/04/2022
ISBN: 978-65-5921-239-2 Selo: Companhia das Letras Capa: Mateus Valadares Ilustração:

SOBRE O LIVRO

Marvin se casou e se separou duas vezes. Mas, apesar das feridas, ainda acredita no amor. Agora, com Analice, tudo será diferente. Ela é bonita, paciente, compreensiva e educada. Ela é perfeita. Marvin espera não levar mais pancadas da vida. Analice é uma boneca de silicone.


Marvin tem quarenta anos e mora sozinho num subúrbio de casinhas coloridas, com gramado sempre aparado. Tem mania por limpeza, a cozinha é minimalista. As facas alemãs, afiadíssimas, estão cravadas no cepo de madeira rústica, única lembrança do primeiro casamento.



Ouve alguma música, e é obcecado por Radiohead. Passou por dois relacionamentos, mas não conseguiu se aprofundar em nenhum deles. É como se Marvin não conseguisse se conectar com as ex-mulheres e entender seus anseios e frustrações. Isso muda com a vinda de Analice.



Ela é calada e paciente. É uma boneca de silicone criada em San Marcos, na Califórnia, que chega numa caixa retangular pesada. Com ela, Marvin espera evitar as discordâncias dos relacionamentos anteriores. O silêncio da boneca, no entanto, é poderoso. Analice o obriga a falar e a reviver os casamentos desfeitos, e o fará mergulhar em suas mais doloridas memórias de amor e desejo nunca consumados.</p



"Através de uma escrita segura, servindo-se com habilidade de cortes temporais e alternando vozes em primeira e terceira pessoa, (...) Leonardo Brasiliense constrói uma novela ágil, conectada com o seu tempo mas também com temas que o ultrapassam. Peixe estranho é atemporal e universal." -- Amilcar Bettega

Sobre o autor