CLIQUE PARA AMPLIAR
Ler um trecho

FILME

Lillian Ross
Tradução: Pedro Maia Soares

Apresentação

Ao acompanhar a realização de um filme de John Huston, a jornalista Lillian Ross compõe um quadro que revela os meandros da indústria cinematográfica americana e o ambiente controvertido de Hollywood. Com apresentação de Matinas Suzuki Jr. e posfácio de Davi Arrigucci Jr.

Você pode gostar também de

Companhia das Letras

O segredo de Joe Gould

Joseph Mitchell

R$ 39,90

Indisponível

Companhia das Letras

A feijoada que derrubou o governo

Joel Silveira

R$ 62,90

Indisponível

Companhia das Letras

Fama e anonimato

Gay Talese

R$ 83,92

Companhia das Letras

Dentro da floresta

David Remnick

R$ 97,90

Companhia das Letras

A milésima segunda noite da avenida Paulista

Joel Silveira

R$ 62,90

Indisponível

Companhia das Letras

Esqueleto na lagoa verde

Antonio Callado

R$ 54,90

Indisponível

Companhia das Letras

O reino e o poder

Gay Talese

R$ 94,90

Indisponível

Companhia das Letras

O super-homem vai ao supermercado

Norman Mailer

R$ 87,90

Companhia das Letras

41 inícios falsos

Janet Malcolm

R$ 72,90

Companhia das Letras

Elogiemos os homens ilustres

James Rufus Agee Walker Evans

R$ 87,90

Ficha Técnica

Título original: Picture Páginas: 312 Formato: 14.00 X 21.00 cm Peso: 0.38 kg Acabamento: Livro brochura Lançamento: 03/10/2005
ISBN: 978-85-3590-697-4 Selo: Companhia das Letras Ilustração:

SOBRE O LIVRO

Ao acompanhar a realização de um filme de John Huston, a jornalista Lillian Ross compõe um quadro que revela os meandros da indústria cinematográfica americana e o ambiente controvertido de Hollywood. Com apresentação de Matinas Suzuki Jr. e posfácio de Davi Arrigucci Jr.

Ao saber que o diretor John Huston preparava a adaptação para o cinema do romance clássico da literatura norte-americana O emblema rubro da coragem, de Stephen Crane, Lillian Ross, jornalista da revista The New Yorker, decidiu acompanhar todas as fases da realização do filme. Ross foi para Hollywood e, na tentativa de descobrir como realmente funcionava a indústria cinematográfica, seguiu, durante quase dois anos, os passos da equipe de A glória de um covarde (título brasileiro da obra de Huston), desde a confecção do roteiro até o lançamento em Nova York.
O resultado deste extraordinário trabalho - a primeira reportagem escrita em forma de romance - está em Picture, título original do livro, que resume em uma única palavra múltiplos significados (quadro, retrato, imagem, descrição, filme). Esta economia marca o estilo de Lillian Ross, que se concentra no substantivo e essencial, jamais emite uma opinião e deixa que os fatos e as falas sejam eloqüentes por si mesmos.

"O melhor livro já publicado sobre Hollywood." - Newsweek

"Muito melhor que a maioria dos romances." - Ernest Hemingway

Sobre o autor