Home | Livros | Companhia das Letras | O CONTINENTE - VOL. 1
CLIQUE PARA AMPLIAR

O CONTINENTE - VOL. 1

Erico Verissimo

Apresentação

O Continente abre a mais famosa saga da literatura brasileira, O tempo e o vento. A trilogia - formada por O Continente, O retrato e O arquipélago - percorre um século e meio da história do Rio Grande do Sul e do Brasil, acompanhando a formação da família Terra Cambará.

Frequentemente comprados juntos

Companhia das Letras

O continente - vol. 1

Erico Verissimo

R$ 77,90

Companhia das Letras

O continente - vol. 2

Erico Verissimo

R$ 77,90

Companhia das Letras

O retrato - vol. 1

Erico Verissimo

R$ 72,90

Preço total de

R$ 228,70

Adicionar ao carrinho

Você pode gostar também de

Companhia das Letras

O retrato - vol. 1

Erico Verissimo

R$ 72,90

Companhia das Letras

O som do rugido da onça - Vencedor Jabuti 2022

Micheliny Verunschk

R$ 47,53

Zahar

O contrato racial

Charles W. Mills

R$ 74,90

Companhia das Letras

Triste não é ao certo a palavra

Gabriel Abreu

R$ 64,90

Indisponível

Companhia das Letrinhas

O pato, a morte e a tulipa

Wolf Erlbruch

R$ 64,90

Seguinte

O mar me levou a você

Pedro Rhuas

R$ 41,18

Seguinte

Este inverno

Alice Oseman

R$ 54,90

Seguinte

A mágica mortal

Raphael Montes

R$ 49,90

Companhia das Letras

Caminhando com os mortos

Micheliny Verunschk

R$ 59,90

Indisponível

Ficha Técnica

Título original: O continente - vol. 1 Páginas: 416 Formato: 13.70 X 21.00 cm Peso: 0.497 kg Acabamento: Livro brochura Lançamento: 30/10/2004
ISBN: 978-85-3590-559-5 Selo: Companhia das Letras Ilustração: Paulo von Poser

SOBRE O LIVRO

O Continente abre a mais famosa saga da literatura brasileira, O tempo e o vento. A trilogia - formada por O Continente, O retrato e O arquipélago - percorre um século e meio da história do Rio Grande do Sul e do Brasil, acompanhando a formação da família Terra Cambará.

A trilogia O tempo e o vento, que inaugura o relançamento da obra completa de Erico Verissimo pela Companhia das Letras, é a mais famosa saga da literatura brasileira. São 150 anos da história do Rio Grande do Sul e do Brasil que o escritor compôs em três partes - O Continente, O retrato e O arquipélago -, publicadas entre 1949 e 1962.
O primeiro volume de O Continente abre a trilogia. Erico mergulha no passado do Rio Grande do Sul e do Brasil em busca das raízes do presente. O país vive um momento de redescoberta de si e de redefinição de caminhos, com o fim do Estado Novo e da Segunda Guerra Mundial, e o começo da Guerra Fria. Essa é a moldura para sua visão vertiginosa da violência e das paixões na definição da fronteira e nas guerras civis de seu estado natal.
O Continente, segundo o crítico literário Antonio Candido "um dos grandes romances da literatura brasileira", lança o leitor em plena ação, durante o cerco das tropas federalistas ao Sobrado do republicano Licurgo Cambará, em 1895, para em seguida retroceder um século e meio e mostrar as origens míticas e históricas do clã Terra Cambará. Acompanhando a formação dessa família, Erico nos apresenta toda a saga.
O projeto gráfico de Raul Loureiro e as ilustrações do artista plástico Paulo von Poser respeitam o espírito das primeiras edições de Erico Verissimo, acompanhadas meticulosamente pelo próprio escritor - que chegava a desenhar esboços de personagens e cenários. Além de ilustrar as páginas iniciais de todos os volumes, Paulo von Poser desenhou o mapa do Rio Grande do Sul que ilustra O Continente.

"Só há um romancista brasileiro que partilha com Jorge Amado o êxito maciço junto ao público: Erico Verissimo." - Alfredo Bosi

Sobre o autor