Home | Livros | Companhia das Letras | AS HORAS NUAS
CLIQUE PARA AMPLIAR
Ler um trecho

AS HORAS NUAS

Lygia Fagundes Telles

R$ 67,90

/ À vista

Apresentação

Num dos livros mais modernos e definitivos de Lygia Fagundes Telles, uma atriz decadente que se prepara para voltar aos palcos faz um amargo balanço de sua vida amorosa e de suas derrotas pessoais, ao mesmo tempo que lança luz aos dramas de seus homens, de sua filha e de sua jovem analista. Posfácio de José Paulo Paes.

Frequentemente comprados juntos

Companhia das Letras

As horas nuas

Lygia Fagundes Telles

R$ 67,90

Companhia das Letras

Verão no aquário

Lygia Fagundes Telles

R$ 67,90

Companhia das Letras

Durante aquele estranho chá

Lygia Fagundes Telles

R$ 38,43

Preço total de

R$ 174,23

Adicionar ao carrinho

Você pode gostar também de

Ficha Técnica

Título original: As horas nuas Páginas: 256 Formato: 14.00 X 21.00 cm Peso: 0.358 kg Acabamento: Livro brochura Lançamento: 30/04/2010
ISBN: 978-85-3591-644-7 Selo: Companhia das Letras Ilustração:

SOBRE O LIVRO

Num dos livros mais modernos e definitivos de Lygia Fagundes Telles, uma atriz decadente que se prepara para voltar aos palcos faz um amargo balanço de sua vida amorosa e de suas derrotas pessoais, ao mesmo tempo que lança luz aos dramas de seus homens, de sua filha e de sua jovem analista. Posfácio de José Paulo Paes.

Rosa Ambrósio, uma atriz de teatro decadente, passa em revista, entre generosas doses de uísque, os amores de sua vida. O primo Miguel, sua paixão adolescente, morreu de overdose por volta dos vinte anos. Gregório, seu marido, virou um homem taciturno depois que foi torturado pela ditadura militar. Diogo, seu amante e último companheiro, trocou-a por moças mais jovens.
Alternando vozes e pontos de vista, passando do fluxo interno de consciência à narrativa em terceira pessoa, Lygia Fagundes Telles atesta aqui sua maestria literária e sua maturidade artística, pondo em cena grandes temas de nosso tempo - o movimento feminista, a cultura de massa, a aids, as drogas -, mediados pelos destinos individuais de um punhado de criaturas.
Publicado originalmente em 1989, As horas nuas tem sido aclamado desde então como um dos romances mais vigorosos e sutis da autora.

Sobre o autor