Home | Livros | Companhia das Letras | O LEGADO DE HUMBOLDT
CLIQUE PARA AMPLIAR
Ler um trecho

O LEGADO DE HUMBOLDT

Saul Bellow
Tradução: Rubens Figueiredo

R$ 97,90

/ À vista

Apresentação

Às turras com a lei, mulheres e um mafioso que destruiu seu carro a pauladas, Charlie Citrine recebe do amigo um presente do além-túmulo, um legado que poderá colocar sua vida no eixo ou terminar por enterrá-la.

Frequentemente comprados juntos

Companhia das Letras

O legado de Humboldt

Saul Bellow

R$ 97,90

Companhia das Letras

Vineland

Thomas Pynchon

R$ 94,90

Companhia das Letras

Dentro da baleia e outros ensaios

George Orwell

R$ 54,90

Preço total de

R$ 247,70

Adicionar ao carrinho

Você pode gostar também de

Companhia das Letras

Henderson, o Rei da Chuva

Saul Bellow

R$ 87,90

Companhia das Letras

As aventuras de Augie March

Saul Bellow

R$ 99,90

Companhia das Letras

Herzog

Saul Bellow

R$ 79,90

Indisponível

Companhia das Letras

Dentro da baleia e outros ensaios

George Orwell

R$ 54,90

Companhia das Letras

Henderson, o Rei da Chuva

Saul Bellow

R$ 82,90

Companhia das Letras

A conexão Bellarosa

Saul Bellow

R$ 77,90

Ficha Técnica

Título original: Humboldt's gift Páginas: 528 Formato: 16.00 X 23.00 cm Peso: 0.801 kg Acabamento: Livro brochura Lançamento: 11/07/2013
ISBN: 978-85-3592-286-8 Selo: Companhia das Letras Ilustração:

SOBRE O LIVRO

Às turras com a lei, mulheres e um mafioso que destruiu seu carro a pauladas, Charlie Citrine recebe do amigo um presente do além-túmulo, um legado que poderá colocar sua vida no eixo ou terminar por enterrá-la.

É a paixão pela literatura que faz Charlie Citrine, um vendedor de escovas do Meio-Oeste americano, tomar trinta dólares emprestados e partir rumo a Nova York. Mais especificamente, a paixão pela literatura do poeta Von Humboldt Fleisher, com quem Citrine almeja um encontro, ambicionando um futuro de letras em meio à intelectualidade nova-iorquina.
Inicia-se assim uma amizade de décadas que, de certa forma, irá conduzir Charlie ao seu próprio estrelato literário. O garoto que levara uma vida de artista agora é convidado num jantar de gala na Casa Branca e circula por Nova York no helicóptero de Bobby Kennedy. É o que Humboldt, decadente e vivendo no ostracismo, precisa para torná-lo o seu pária pessoal. Até que, anos mais tarde, o poeta cai morto, isolado e na amargura.
A partir da morte do mentor, Charlie irá costurar quarenta anos de cultura americana, num relato ao mesmo tempo sombrio e cômico sobre amizade, ressentimento, amor e arte. Saul Bellow faz de O legado de Humboldt a encarnação do grande romance moderno, com sua disposição ao épico íntimo, ao olhar compassivo, a captar o tumulto de coadjuvantes e acontecimentos e experiências de uma vida e a colocá-lo em perspectiva com uma época.

Sobre o autor