Home | Livros | Companhia das Letras | OS FUZIS E AS FLECHAS
CLIQUE PARA AMPLIAR
Ler um trecho

OS FUZIS E AS FLECHAS

Rubens Valente

Apresentação

Reconstituindo episódios desconhecidos, repórter revela sofrimento dos indígenas durante a ditadura militar.

Frequentemente comprados juntos

Companhia das Letras

Os fuzis e as flechas

Rubens Valente

R$ 87,90

Companhia das Letras

Lugar nenhum

Lucas Figueiredo

R$ 49,90

Companhia das Letras

Tanques e togas

Felipe Recondo

R$ 72,90

Preço total de

R$ 210,70

Adicionar ao carrinho

Você pode gostar também de

Companhia das Letras

O Brasil contra a democracia

Roberto Simon

R$ 117,90

Indisponível

Companhia das Letras

Herói mutilado

Laura Mattos

R$ 109,90

Companhia das Letras

Contra a moral e os bons costumes

Renan Quinalha

R$ 94,90

Companhia das Letras

Brasil: uma biografia

Lilia Moritz Schwarcz Heloisa Murgel Starling

R$ 92,90

Indisponível

Companhia das Letras

A vida não é útil

Ailton Krenak

R$ 34,32

Companhia das Letras

Dicionário da escravidão e liberdade

Lilia Moritz Schwarcz Flávio dos Santos Gomes

R$ 87,90

Companhia das Letras

Ideias para adiar o fim do mundo (Nova edição)

Ailton Krenak

R$ 34,32

Companhia das Letras

Lima Barreto - Triste visionário

Lilia Moritz Schwarcz

R$ 94,90

Ficha Técnica

Título original: Os fuzis e as flechas Páginas: 520 Formato: 15.70 X 23.00 cm Peso: 0.759 kg Acabamento: Livro brochura Lançamento: 15/03/2017
ISBN: 978-85-3592-711-5 Selo: Companhia das Letras Ilustração:

SOBRE O LIVRO

Reconstituindo episódios desconhecidos, repórter revela sofrimento dos indígenas durante a ditadura militar.

Os fuzis e as flechas é uma investigação jornalística que descreve centenas de mortes de indígenas durante a ditadura militar no Brasil (1964-1985). Durante um ano, o autor entrevistou oitenta pessoas, entre índios, sertanistas, missionários e indigenistas, percorreu 14 mil quilômetros de carro, esteve em dez estados e dez aldeias indígenas do Amazonas, Mato Grosso do Sul e Minas Gerais. Além de se valer de milhares de páginas coletadas em arquivos de Brasília, São Paulo e Rio, o livro traz à tona registros inéditos de erros e omissões que levaram a tragédias sanitárias durante a construção de grandes obras, como a rodovia Transamazônica, que cruzou a Amazônia de leste a oeste.

Sobre o autor