Home | Livros | Companhia das Letras | CONFISSÕES DO IMPOSTOR FELIX KRULL
CLIQUE PARA AMPLIAR
Ler um trecho

CONFISSÕES DO IMPOSTOR FELIX KRULL

Primeira parte das memórias

Thomas Mann

Apresentação

Último romance publicado por Thomas Mann, a obra picaresca do escritor alemão ganha nova tradução e posfácio de Mário Luiz Frungillo.

Frequentemente comprados juntos

Companhia das Letras

Confissões do impostor Felix Krull

Thomas Mann

R$ 82,90

Companhia das Letras

As cabeças trocadas

Thomas Mann

R$ 67,90

Companhia das Letras

O eleito

Thomas Mann

R$ 77,90

Preço total de

R$ 228,70

Adicionar ao carrinho

Você pode gostar também de

Companhia das Letras

As cabeças trocadas

Thomas Mann

R$ 67,90

Companhia das Letras

Doutor fausto

Thomas Mann

R$ 99,90

Indisponível

Companhia das Letras

A morte em Veneza & Tonio Kröger

Thomas Mann

R$ 77,90

Indisponível

Companhia das Letras

A montanha mágica

Thomas Mann

R$ 109,90

Companhia das Letras

Contos completos

Liev Tolstói

R$ 219,90

Ficha Técnica

Título original: Bekenntnisse des hochstaplers Felix Krull Páginas: 368 Formato: 16.20 X 23.40 cm Peso: 0.691 kg Acabamento: Livro capa dura Lançamento: 19/02/2018
ISBN: 978-85-3593-047-4 Selo: Companhia das Letras Ilustração:

SOBRE O LIVRO

Último romance publicado por Thomas Mann, a obra picaresca do escritor alemão ganha nova tradução e posfácio de Mário Luiz Frungillo.

Recém-chegado à idade adulta, o jovem aristocrata Felix Krull se vê numa situação lamentável depois que o pai leva a família à falência, como resultado de uma má gestão dos negócios, e tira a própria vida. Mas ele não se dará por vencido e fará de tudo para reerguer-se, custe o que custar. Sedutor, belo e hábil na arte da trapaça, ele conhecerá um marquês que lhe propõe assumir sua identidade.
O simpático impostor é o herói deste romance picaresco de Thomas Mann, uma autobiografia ficcional de um homem para quem todos os meios são aceitáveis para se atingir os fins desejados. Embora tenha começado a ser concebido nos anos 1910, e parte dele tenha saído antes em forma de conto, este foi o último livro publicado por Thomas Mann, no outono de 1954.

Sobre o autor