Home | Livros | Alfaguara | MOEDA VENCIDA
CLIQUE PARA AMPLIAR
Ler um trecho

MOEDA VENCIDA

Francisco J. C. Dantas

R$ 74,90

/ À vista

Apresentação

Vencedor do Prêmio Internacional da União Latina de Literaturas Românicas, Francisco J. C. Dantas parte das memórias da infância para construir um romance cativante sobre a vida no interior do Sergipe. Moeda vencida narra a história de um homem generoso com suas amizades, suas disputas e seu amor incondicional pelos animais.

Frequentemente comprados juntos

Alfaguara

Moeda vencida

Francisco J. C. Dantas

R$ 74,90

Companhia das Letras

Via Ápia

Geovani Martins

R$ 62,91

Alfaguara

Uma jornada como tantas

Francisco J. C. Dantas

R$ 79,90

Preço total de

R$ 217,71

Adicionar ao carrinho

Você pode gostar também de

Companhia das Letras

Sátántangó

László Krasznahorkai

R$ 89,90

Indisponível

Companhia das Letras

Os Malaquias (Nova edição)

Andréa Del Fuego

R$ 62,91

Companhia das Letras

O último endereço de Eça de Queiroz

Miguel Sanches Neto

R$ 59,42

Companhia das Letras

Por quem as panelas batem - Vencedor Jabuti 2023

Antonio Prata

R$ 58,41

Companhia das Letras

Uma casa no mundo

Amartya Sen

R$ 119,90

Objetiva

A maravilha dos sistemas complexos

Giorgio Parisi

R$ 59,90

Zahar

A letra da lei

Linda Colley

R$ 124,90

Zahar

Manifesto contrassexual

Paul B. Preciado

R$ 63,67

Ficha Técnica

Páginas: 192 Formato: 15.00 X 23.40 cm Peso: 0.293 kg Acabamento: Livro brochura Lançamento: 20/09/2022
ISBN: 978-85-5652-146-0 Selo: Alfaguara Capa: Elisa von Randow Ilustração:

SOBRE O LIVRO

Vencedor do Prêmio Internacional da União Latina de Literaturas Românicas, Francisco J. C. Dantas parte das memórias da infância para construir um romance cativante sobre a vida no interior do Sergipe. Moeda vencida narra a história de um homem generoso com suas amizades, suas disputas e seu amor incondicional pelos animais.

Neste livro nostálgico e emocional, Francisco J.C. Dantas mescla ficção a suas reminiscências de criança para alcançar uma realidade preservada no fio da memória, sobre a vida no interior sergipano de meados do século passado, com as disputas, as amizades e os acasos entre os moradores do povoado de Cambuí.
Desidério, o pai do narrador, é figura marcante nestas páginas, assim como seu amor pelos animais: da vaca à beira da morte num atoleiro, ao cavalo indômito e castigado pelos antigos donos. Em diferentes camadas do passado, ele costura a história de fazendeiros e de gente humilde, de desafetos e de figuras folclóricas, e compõe uma narrativa vibrante de profunda dimensão humana.


"Em sua delicada afeição e dependência mútuas, os bichos e seus donos se irmanam numa lição de humanidade maior. Comovente, pleno em ternura, o narrador clama pela atenção aos viventes que nos fizeram companhia, e sua Moeda vencida nos traz valor de outro quilate: é antídoto poderoso contra um mundo que mais e mais cheira a plástico, pólvora e wi-fi." -- José Luiz Passos

Sobre o autor