Home | Livros | Alfaguara | O FIM DO MUNDO E O IMPIEDOSO PAÍS DAS MARAVILHAS
CLIQUE PARA AMPLIAR

O FIM DO MUNDO E O IMPIEDOSO PAÍS DAS MARAVILHAS

Haruki Murakami
Tradução: Jefferson José Teixeira

R$ 109,90

/ À vista
ou em até 2x no crédito de R$ 54,95

Apresentação

Publicado em 1985 no Japão e inédito no Brasil, O Fim do Mundo e o impiedoso País das Maravilhas é uma das obras mais notáveis de Haruki Murakami. Neste romance vencedor do prêmio Tanizaki, o autor intercala duas narrativas para compor uma obra singular que é, ao mesmo tempo, mistério e ficção científica.

Frequentemente comprados juntos

Alfaguara

O Fim do Mundo e o impiedoso País das Maravilhas

Haruki Murakami

R$ 109,90

Companhia das Letras

É a Ales - Autor vencedor do Nobel de literatura 2023

Jon Fosse

R$ 64,90

Companhia das Letras

Longe da água

Michel Laub

R$ 59,90

Preço total de

R$ 234,70

Adicionar ao carrinho

Você pode gostar também de

Companhia das Letras

Noites de peste

Orhan Pamuk

R$ 169,90

Companhia das Letras

Uma hora de fervor

Muriel Barbery

R$ 64,90

Companhia das Letras

Golpe de misericórdia

Dennis Lehane

R$ 99,90

Alfaguara

O comprometido

Viet Thanh Nguyen

R$ 119,90

Zahar

O homem não existe

Ligia Gonçalves Diniz

R$ 89,90

Companhia das Letras

Literatura infantil

Alejandro Zambra

R$ 69,90

Penguin-Companhia

Zona e outros poemas

Guillaume Apollinaire

R$ 109,90

Suma

Mais sombrio

Stephen King

R$ 89,90

Companhia das Letras

Bíblia -- Volume IV

R$ 199,90

Quadrinhos na Cia

Pagar a terra

Joe Sacco

R$ 119,90

Ficha Técnica

Título original: Hard-Boiled Wonderland and the end of the world Páginas: 488 Formato: 15.00 X 23.20 cm Peso: 0.701 kg Acabamento: Livro brochura Lançamento: 28/05/2024
ISBN: 978-85-5652-207-8 Selo: Alfaguara Capa: Alceu Chiesorin Nunes Ilustração:

SOBRE O LIVRO

Publicado em 1985 no Japão e inédito no Brasil, O Fim do Mundo e o impiedoso País das Maravilhas é uma das obras mais notáveis de Haruki Murakami. Neste romance vencedor do prêmio Tanizaki, o autor intercala duas narrativas para compor uma obra singular que é, ao mesmo tempo, mistério e ficção científica.

A caminho do laboratório de um velho professor, um programador pega um elevador enorme e tão lento que não é possível saber se está subindo ou descendo. Ao chegar, é recebido por uma bela jovem, ela indica o caminho e eles passam a percorrer corredores infinitos e caminhos subterrâneos. No trajeto, não ouve ou sente sua própria respiração, e é como se as palavras que ela diz chegassem aos seus ouvidos através de uma espessa parede de vidro.
Em paralelo, numa cidade pequena e fantasmagórica, rodeada por uma muralha que a separa do resto do mundo, vivem seres humanos sem sentimentos. Habituados à ausência de emoções, todos estão sempre satisfeitos e em paz. Ninguém envelhece ou morre. A essa cidade nos confins do mundo chega um jovem incumbido de ler velhos sonhos. Com a ajuda da bibliotecária, ele se propõe a recolher recordações e fragmentos de vidas alheias, pertencentes a uma outra possível dimensão.
Aparentemente desconectadas, as duas narrativas vão se desenhando como opostas: realista e mítica, distópica e utópica, quente e fria. Aos poucos, a primeira vai se tornando mais fantástica, a segunda, menos folclórica, e elementos em comum começam a surgir: crânios de unicórnio, o Fim do Mundo, o fato de que ninguém tem nome, clipes de papel, sinestesias.
O Fim do Mundo e o impiedoso País das Maravilhas é um romance singular e inovador. Nele, Murakami conduz o leitor por uma trama em que um especialista em dados, um cientista perturbado e sua excêntrica neta -- além da atriz Lauren Bacall, Bob Dylan, bandidos, bibliotecários e monstros subterrâneos -- se unem em uma aventura fascinante.

Sobre o autor