Home | Livros | Companhia das Letras | MORTE NA ÁGUA
CLIQUE PARA AMPLIAR
Ler um trecho

MORTE NA ÁGUA

Kenzaburo Oe
Tradução: Leiko Gotoda

R$ 112,90

/ À vista
ou em até 2x no crédito de R$ 56,45

Apresentação

Em um misto de mito, história e memória, Morte na água é uma das obras-primas de Kenzaburo Oe, que trabalha com maestria ao desenvolver a narrativa de um trauma pessoal que é também o trauma de uma nação.

Frequentemente comprados juntos

Companhia das Letras

Morte na água

Kenzaburo Oe

R$ 112,90

Companhia das Letras

Algo antigo

Arnaldo Antunes

R$ 57,90

Companhia das Letras

Klara e o Sol

Kazuo Ishiguro

R$ 67,90

Preço total de

R$ 238,70

Adicionar ao carrinho

Você pode gostar também de

Zahar

O Seminário, livro 5

Jacques Lacan

R$ 169,90

Companhia das Letrinhas

Capitão Cueca e a sina ridícula do povo do Penico Roxo - Em cores!

Dav Pilkey

R$ 52,90

Companhia das Letrinhas

Minhas fábulas de Esopo

Michael Morpurgo

R$ 72,90

Companhia das Letras

Arrancados da terra

Lira Neto

R$ 94,90

Companhia de Bolso

Niketche (Edição de bolso)

Paulina Chiziane

R$ 38,32

Companhia das Letras

O som do rugido da onça - Vencedor Jabuti 2022

Micheliny Verunschk

R$ 47,53

Companhia das Letras

A palavra que resta

Stênio Gardel

R$ 62,90

Companhia das Letrinhas

Capitão Cueca e a fúria da ferocíssima Mulher Tentacular - Em cores!

Dav Pilkey

R$ 52,90

Ficha Técnica

Páginas: 456 Formato: 14.00 X 21.00 cm Peso: 0.552 kg Acabamento: Livro brochura Lançamento: 22/02/2021
ISBN: 978-65-5921-020-6 Selo: Companhia das Letras Capa: Raul Loureiro Ilustração:

SOBRE O LIVRO

Em um misto de mito, história e memória, Morte na água é uma das obras-primas de Kenzaburo Oe, que trabalha com maestria ao desenvolver a narrativa de um trauma pessoal que é também o trauma de uma nação.

Conhecido por sua aguda capacidade de observação da alma humana, Kenzaburo Oe é um dos principais romancistas contemporâneos. Ganhador do prêmio Nobel de literatura, seus livros angariam leitores em todo o globo.
Em Morte na água, acompanhamos o escritor Kogito Chōkō – alter ego do próprio Oe – em sua luta pela inspiração para seu próximo livro, que o leva de volta à sua cidade natal em busca de informações que expliquem melhor a morte de seu pai. A intenção de Kogito é escrever um romance a partir do que coletar, mas ele acaba se vendo em meio a questões muito mais profundas que envolvem desde traumas pessoais até descobertas que remontam à Segunda Guerra Mundial.
O relacionamento turbulento entre pai e filho emerge com toda força, além da culpa de Kogito por não ter estado presente na noite em que o pai se afogou. É Asa, sua irmã, quem traz para a narrativa um grande baú vermelho que pode conter as explicações que o protagonista tanto procura.
Ao analisar a busca por um legado particular mas também nacional, Kenzaburo Oe constrói um romance inesquecível sobre traumas pessoais e coletivos, e sobre como as narrativas que construímos para nós mesmos podem se mostrar frágeis.

"Neste livro, a serenidade e o domínio narrativo de Kenzaburo Oe são admiráveis." – New York Times Book Review

Sobre o autor