Home | Livros | Penguin-Companhia | O JOGADOR - (DAS MEMÓRIAS DE UM JOVEM)
CLIQUE PARA AMPLIAR
Ler um trecho

O JOGADOR - (DAS MEMÓRIAS DE UM JOVEM)

Fiódor Dostoiévski
Previsão de reimpressão: 03/2024

Apresentação

De um dos grandes mestres da literatura russa, um romance perturbador sobre o vício destrutivo do jogo.

Frequentemente comprados juntos

Penguin-Companhia

O jogador - (Das memórias de um jovem)

Fiódor Dostoiévski

R$ 42,90

Penguin-Companhia

Noites brancas

Fiódor Dostoiévski

R$ 35,92

Penguin-Companhia

O eterno marido

Fiódor Dostoiévski

R$ 44,90

Preço total de

R$ 123,72

Adicionar ao carrinho

Você pode gostar também de

Penguin-Companhia

O eterno marido

Fiódor Dostoiévski

R$ 44,90

Indisponível

Penguin-Companhia

Os miseráveis

Victor Hugo

R$ 119,90

Penguin-Companhia

O corcunda de Notre-Dame

Victor Hugo

R$ 54,32

Penguin-Companhia

Memórias do subsolo

Fiódor Dostoiévski

R$ 42,90

Indisponível

Penguin-Companhia

O vermelho e o negro

Stendhal

R$ 67,90

Penguin-Companhia

David Copperfield

Charles Dickens

R$ 62,32

Penguin-Companhia

A educação sentimental

Gustave Flaubert

R$ 57,90

Ficha Técnica

Título original: O jogador Páginas: 232 Formato: 13.00 X 20.00 cm Peso: 0.225 kg Acabamento: Livro brochura Lançamento: 17/11/2017
ISBN: 978-85-8285-064-0 Selo: Penguin-Companhia Ilustração:

SOBRE O LIVRO

De um dos grandes mestres da literatura russa, um romance perturbador sobre o vício destrutivo do jogo.

Impressionante retrato psicológico do vício destrutivo do jogo, compulsão que o próprio Dostoiévski conhecia intimamente, O jogador retrata com perfeição a busca incessante por uma lógica que norteie o acaso e a necessidade de controle que acometem todo jogador inveterado.
Numa estação de águas na sugestiva cidade alemã de Roletemburgo, Aleksei Ivánovitch, jovem professor de origens humildes, vivencia a emoção do jogo e o infortúnio amoroso enquanto tenta entender as confabulações que definirão o seu destino e o de seus próximos.
Num ambiente em que fortunas se dilapidam e o futuro se decide ao sabor da sorte, a tentação do risco e a necessidade imperiosa de experimentar o abismo são o motor deste que continua sendo um dos romances mais perturbadores que o século XIX viu nascer.

Sobre o autor