Home | Livros | Companhia de Bolso | MUITO LONGE DE CASA
CLIQUE PARA AMPLIAR
Ler um trecho

MUITO LONGE DE CASA

Ishmael Beah
Tradução: Cecilia Giannetti

R$ 54,90

/ À vista

Apresentação

Este clássico contemporâneo faz um retrato espantoso da guerra civil do ponto de vista de um menino-soldado.

Frequentemente comprados juntos

Companhia de Bolso

Muito longe de casa

Ishmael Beah

R$ 54,90

Companhia das Letras

Mãe pátria

Paula Ramón

R$ 79,90

Alfaguara

Dicionário de línguas imaginárias

Olavo Amaral

R$ 59,90

Preço total de

R$ 194,70

Adicionar ao carrinho

Você pode gostar também de

Companhia das Letras

O brilho do amanhã

Ishmael Beah

R$ 69,90

Companhia de Bolso

Minha vida de menina

Helena Morley

R$ 59,90

Companhia de Bolso

Terra sonâmbula

Mia Couto

R$ 49,90

Companhia das Letras

O perigo de uma história única

Chimamanda Ngozi Adichie

R$ 44,90

Companhia de Bolso

A vontade radical

Susan Sontag

R$ 59,90

Alfaguara

Redemoinho em dia quente

Jarid Arraes

R$ 50,92

Companhia de Bolso

Casei com um comunista

Philip Roth

R$ 59,90

Seguinte

O menino negro

Camara Laye

R$ 64,90

Companhia de Bolso

Complô contra a América

Philip Roth

R$ 64,90

Companhia das Letras

E se Obama fosse africano?

Mia Couto

R$ 69,90

Companhia das Letras

Enterre seus mortos

Ana Paula Maia

R$ 42,42

Ficha Técnica

Título original: A long way gone Páginas: 256 Formato: 12.50 X 18.00 cm Peso: 0.215 kg Acabamento: Livro brochura Lançamento: 03/02/2015
ISBN: 978-85-3592-542-5 Selo: Companhia de Bolso Ilustração:

SOBRE O LIVRO

Este clássico contemporâneo faz um retrato espantoso da guerra civil do ponto de vista de um menino-soldado.

As crianças se tornaram presença constante nas guerras de nossos dias. Nos mais de cinquenta conflitos em curso na atualidade, estima-se que haja cerca de 300 mil crianças envolvidas diretamente. Ishmael Beah era uma delas. Como é a experiência da guerra aos olhos de uma criança? Como elas se tornam assassinas? Como abandonam o crime? As crianças do campo de batalha já foram objeto de reportagens e romances. Mas até este livro, ainda não existia um relato em primeira pessoa de alguém que enfrentou esse inferno e sobreviveu. Em Muito longe de casa, Beah conta uma história pungente: aos doze anos de idade, fugiu do ataque de rebeldes e vagou por uma terra arrasada pela violência. Aos treze, foi recrutado pelo Exército do governo de Serra Leoa e descobriu que era capaz de atrocidades inimagináveis. Este é um relato raro e hipnotizante, contado com força literária e uma honestidade de cortar o coração. "Extraordinário... Um relato feroz e desolador sobre crianças comuns que foram transformadas em assassinos profissionais" - The Guardian "Um relato de tirar o fôlego e desprovido de autopiedade. A história de um garoto sensível obrigado a sobreviver a uma infância impermeável a qualquer forma de inocência" - Revista Time "Beah é um escritor talentoso. Leia suas memórias e você ficará assombrado" - Revista Newsweek

Sobre o autor